Segunda-feira, 10 de Agosto de 2020
ENTRAVE

'Está aberta e suspensa ao mesmo tempo’, diz Josué Neto sobre CPI da Educação

A comissão somou o número necessário de oito assinaturas para a instauração da CPI, no entanto, ela só será colocada em prática quando houver condições administrativas para isso



show_ALEAM_IZAIAS_43F0C04B-A1C0-45D8-A9B0-F8E53A4A061E.jpeg Foto: Divulgação
08/07/2020 às 11:15

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Educação somou, na noite de ontem (7), o número necessário de oitos assinaturas para instauração. Segundo o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), deputado Josué Neto (PRTB), a CPI vai ser instaurada, mas só será colocada em prática “assim que tivermos condições administrativas de tocar a CPI da Educação, faremos”.

“A partir deste momento a CPI está instaurada e ao mesmo tempo sob orientação da diretoria geral da Casa, estamos abrindo a CPI da Educação, declarando que ela existe e que vamos dar início assim que a Casa suporte o andamento da CPI da Educação, já que temos uma Comissão Especial do Impeachment e temos uma CPI da Saúde. Portanto a CPI da Educação está aberta e está suspensa ao mesmo tempo”, anunciou Josué.



A deputada e líder do governo na Assembleia Joana Darc (PL) informou que existe um requerimento impetrado pelo deputado Augusto Ferraz (DEM) do último dia 25, solicitando a retirada da assinatura dele da lista da CPI da Educação.

O objetivo da CPI é investigar as compras feitas por dispensa de licitação na Seduc e possível superfaturamento em contratos emergenciais.

A proposta da CPI não é nova, desde o ano passado a oposição quer investigar os gastos do governo do Amazonas com a Educação. A propositura foi feita após denúncias feitas por José Luiz Dantas, proprietário da Dantas Transportes, que em depoimento ao Ministério Público de Contas (MPC), alegou que pagava um mensalinho oriundo de um contrato de R$ 46 milhões sem licitação.

Na época, as declarações de Dantas ao MPC levaram à saída do então secretário Luiz Castro da Seduc.

Os deputados que assinaram a CPI da Saúde são Sinésio Campos (PT), Fausto Júnior (PRTB), Serafim Corrêa (PSB), deputado delegado Péricles (PSL), deputado presidente Josué Neto (PRTB), Augusto Ferraz (DEM) e Dermilson Chagas (PODE).


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.