Segunda-feira, 22 de Julho de 2019
prisão de vereador

Ex-presidente da Câmara de Coari (AM) é preso em Manaus por estelionato

O parlamentar, que chegou a assumir a prefeitura do município do interior, tinha um mandado de prisão expedido contra ele desde março. O vereador é acusado de dar um calote de R$ 6 mil na compra de um carro há 11 anos



_ndiceytyt.jpg Foto: Divulgação
18/05/2016 às 15:59

O vereador de Coari Iranilson Medeiros (DEM) foi preso em Manaus às 12h desta quarta-feira (18), na avenida Constantino Nery, bairro Chapada, Zona Centro-Sul da cidade, por agentes da Delegacia Especializada em Captura e Polícia Interestadual (Polinter) em cumprimento a um mandado de prisão por estelionato (Artigo 171 do Código Penal). O vereador é acusado de dar um calote de R$ 6 mil na compra de um carro, em transação ocorrida há 11 anos.

O mandado de prisão preventiva contra ele foi expedido pela juíza da 4ª Vara Criminal de Manaus Margareth Rose Cruz Hoagen no dia 28 de março deste ano. A prisão foi efetuada sob a coordenação do delegado titular em exercício da Delegacia Especializada em Capturas e Polinter (DECP), Thyago Tenório.

O parlamentar foi levado para a cadeia pública Raimundo Vidal Pessoa. À tarde, a mesma magistrada, ao acatar recurso da defesa, concedeu liberdade provisória ao político e determinou que ele deve se apresentar à Justiça todo primeiro dia útil do mês e não pode sair de Manaus até o fim da instrução processual. De acordo com o escritório do advogado do vereador, Cristian Mendes da Silva, Iranilson foi solto ainda durante a tarde.

Conforme denúncia do Ministério Público (MP-AM), Iranilson foi alvo de um inquérito policial, na Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (DERFV). Segundo o MP-AM, Iranilson negociou a compra de um Fiat Tempra, em junho 2005, ocasião em que recebeu o veículo. O MP-AM afirma que ele nunca pagou o valor negociado ao proprietário. 

"Pela proposta, o acusado pagaria a importância de R$ 6 mil pelo referido veículo, dentro do prazo de 30 dias. Tendo aceito a referida proposta, a vítima entregou o referido carro juntamente contoda a documentação pertinente. Contudo, transcorrido o prazo de pagamento, o acusado deixou de honrar o compromisso, não efetuando o pagamento pela compra do carro, deixando a vítima no prejuízo até a presente data", ressalta a denúncia do promotor Adriando Alecrim Marinho, despachada em 2009.

Em 2005, o empresário Wilfred Silva de Cassio, dono da Wilcar Locadora de Veículos declarou para a polícia que teria alugado, no dia 16 de junho de 2005, um veículo modelo Fiat de placas JWG-7781 para Iranilson. O aluguel teria durado 45 dias até que o veículo apresentou alguns problemas e, por isso, ele entregou outro carro, desta vez um Tempra de placas JWG-3976. Wilfred disse que Iranilson lhe ofereceu 6 mil reais para a aquisição do veículo, porém iria pagar a quantia no prazo de 30 dias.

Com a venda autorizada, o veículo foi levado para Coari, sob a testemunha de Pedro Ramos de Lira Filho, que presenciou toda a transação mal sucedida da compra do veículo. A testemunha declarou para a polícia, em dezembro do mesmo ano, que Iranilson não efetuou qualquer pagamento e que o carro havia sido negociado para um desconhecido em Tabatinga.

Para o delegado Thyago Tenório, o vereador nega o calote. “Nos autos do documento o vereador nega a autoria do crime e alega que a venda do veículo ocorreu entre a vítima e uma testemunha do processo. Em depoimento, o vereador afirmou que essa testemunha teria levado o carro para o município de Tabatinga, o teria revendido por R$ 8 mil e repassado R$ 2 mil ao proprietário da locadora. A cópia do contrato de compra e venda entre a vítima e a testemunha foi anexada ao processo”, disse Thyago Tenório.

Prefeito interino

Entre março e abril deste ano, Iranilson Medeiros assumiu a presidência da Câmara Municipal de Coaro e, devido a renúncia do vice-prefeito, Igson Monteiro, e a prisão do prefeito Adail Pinheiro, comandou o município mais rico do interior do Amazonas. Saiu do posto no dia 16 de abril, quando o segundo lugar na eleição de 2012, Raimundo Magalhães, foi empossado.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.