Quinta-feira, 18 de Julho de 2019
Notícias

Ex-primeira dama do AM, Amine Daou Lindoso falece aos 91 anos

Entre seus atos mais importantes, esteve a busca por incentivos que foram repassados para a organização que cuidava dos hansenianos do Estado, durante o mandato do seu marido, José Lindoso. Em nota de pesar, o Governo do Estado do Amazonas afirmou que Amine "foi, durante toda a sua trajetória enquanto primeira-dama do Amazonas e cidadã, um exemplo de bondade e respeito ao próximo"



1.jpg Amine se tornou referência para o Estado do Amazonas na área social, onde realizou atividades de acolhimento com hansenianos, moradores de ruas e também crianças e adolescentes vítimas de maus-tratos.
28/02/2016 às 19:04

Dedicação e amor ao próximo. É assim que parentes e amigos se lembrarão de Amine Daou Lindoso, 91 anos, esposa do ex-governador José Lindoso, falecida neste domingo (28) em Brasília. Ex-primeira dama, Amine se tornou referência para o Estado do Amazonas na área social, onde realizou atividades de acolhimento com hansenianos, moradores de ruas e também crianças e adolescentes vítimas de maus-tratos.

A ex-primeira dama faleceu às 10h30 deste domingo. Clara Maria Lindoso e Lima, filha mais nova de Amine, afirmou que a mãe sempre foi à referência para a família de sete filhos.

“Esse é um momento muito difícil para a gente, mas estamos muito tranquilos porque a minha mãe foi uma pessoa muito digna, muito boa e sempre procurou servir desde muito nova, e da mesma forma quando se casou com meu pai. Ela sempre esteve disponível para trabalhos sociais e para servir a sociedade. Dentro da nossa fé cristã a gente acredita que ela foi para o encontro de Jesus e de Deus. Ela era a nossa referência, sempre tivemos muito orgulho dela, assim como sempre tivemos muito orgulho do meu pai”, disse.

Maria Adelaide Lindoso Baummann, também filha de Amine, destacou que a mãe usou o trabalho social como ferramenta de transformação na vida dos que mais necessitavam. “Quando ela foi primeira-dama se dedicou a retirar os hansenianos da rua. Ela conseguiu chamar atenção e engajar outras mulheres da importância do trabalho social para o Estado”, afirmou.A secretária de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), Graça Prola.


Em nota de pesar, o Governo do Estado do Amazonas afirmou que Amine "foi, durante toda a sua trajetória enquanto primeira-dama do Amazonas e cidadã, um exemplo de bondade e respeito ao próximo. Entre seus atos mais importantes, esteve a busca por incentivos que foram repassados para a organização que cuidava dos hansenianos do Estado, durante o mandato do seu marido".

"Por esses e tantos outros motivos é que o Governo presta condolências aos familiares e amigos desta grande mulher que tanto fez pelo Amazonas", conclui a nota enviada à imprensa.

Centro e Escola carregam nome de Amine

O Serviço de Acolhimento Institucional (SAI) Amine Daou Lindoso é uma Casa de Passagem que oferece abrigo a crianças e adolescentes entre zero e 18 anos. O abrigo é destinado a vítimas de maus-tratos, negligência, abandono, violência física, psicológica e sexual, além de exploração do trabalho infantil e sexual.

A escola municipal Amine Daou Lindoso, localizada na Rua Aluísio Brasil, bairro Japiim, também carrega o nome da ex-primeira dama.


Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.