Sábado, 04 de Abril de 2020
SENTENÇA

Ex-produtor de Hollywood Weinstein é condenado por agressão sexual e estupro

Um dos produtores mais poderosos de Hollywood, Weinstein, de 67 anos, foi condenado por agredir sexualmente a ex-assistente de produção Mimi Haleyi em 2006 e estuprar Jessica Mann, uma aspirante a atriz, em 2013



MIKE_BLAKE_REUTERS_BAB161AE-D8A7-4552-976E-ADEE76F2A8D2.JPG Foto: Mike Blake/Reuters
24/02/2020 às 16:14

O ex-produtor de cinema Harvey Weinstein foi condenado por agressão sexual e estupro por um júri de Nova York nesta segunda-feira (24) e algemado no tribunal, um veredicto importante para o movimento #MeToo que inspirou mulheres a tornarem públicas alegações de má conduta contra homens poderosos.

Um dos produtores mais poderosos de Hollywood, Weinstein, de 67 anos, foi condenado por agredir sexualmente a ex-assistente de produção Mimi Haleyi em 2006 e estuprar Jessica Mann, uma aspirante a atriz, em 2013.



Weinstein foi absolvido das acusações mais graves que levariam à prisão perpétua. O juiz James Burke ordenou que Weinstein fosse mantido em custódia e ele foi algemado no tribunal.

O ex-produtor pode pegar até 25 anos de prisão pela condenação de agressão sexual. A audiência para divulgação da sentença foi marcada para 11 de março. Os advogados de Weinstein pediram que ele fosse levado para uma instalação onde pudesse receber tratamento médico.

Um representante de Weinstein não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

O procurador do distrito de Manhattan Cyrus Vance disse em entrevista coletiva: “É um novo dia porque Weinstein finalmente foi responsabilizado”. Ele elogiou os jurados. “O veredicto virou uma página em nosso sistema de justiça criminal”.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.