Domingo, 29 de Março de 2020
ESTRATÉGIA

Executiva do PT se reúne para discutir estratégia após afastamento de Dilma

A expectativa é de que sejam aprovadas as linhas gerais de um documento que norteará a atuação a ser adotada a partir agora pelo partido, enquanto oposição



LM_impeachment_saida_Dilma_Foto_Lula_Marques00705122016.jpg Presidenta Dilma Rousseff falou com a imprensa após afastamento (Lula Marques/ Agência PT)
16/05/2016 às 13:55

Os 21 integrantes da Executiva Nacional do PT estão reunidos na sede do partido hoje (16), em Brasília, para discutir as eleições municipais deste ano e a conjuntura do país, o que inclui a estratégia a ser adotada após o afastamento da presidenta Dilma Rousseff do cargo e a atuação dos parlamentares petistas, agora como oposição ao presidente interino Michel Temer. Instância máxima de poder do partido, a Executiva do PT é composta por 18 membros mais o presidente do partido, Rui Falcão, e os líderes no Senado, Paulo Rocha (PA), e na Câmara, Afonso Florence (BA).

A expectativa é de que sejam aprovadas as linhas gerais de um documento que norteará a atuação a ser adotada a partir agora pelo partido, enquanto oposição. O documento será apresentado para discussão durante a reunião com os 84 integrantes do Diretório Nacional. A reunião está marcada para amanhã (17), no Hotel San Marco, em Brasília.



Nenhum integrante falou ao chegar na sede do partido hoje (16), por volta das 10h30. Um dos últimos a chegar, às 11h30, foi o senador Humberto Costa. A reunião conta também com a participação de outros integrantes do partido. De acordo com a assessoria, a expectativa é que a reunião seja encerrada no meio da tarde, provavelmente por volta das 16 horas.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.