Sexta-feira, 24 de Maio de 2019
Notícias

Executivos da indústria apontam alguns caminhos para estimular a produtividade nas empresas

Em tempos difíceis, ser um profissional produtivo ou ter uma equipe motivada pode ser crucial para o sucesso. DINHEIRO conta algumas histórias que deram certo 



1.jpg
Na Semp Toshiba, em Manaus, Paulo Sandrini, investiu em gestão pessoal
11/07/2015 às 15:07

Ser produtivo significa entregar mais resultados de qualidade sem a necessidade com os recursos disponíveis. Com uma economia fragilizada e um mercado de trabalho mais restrito, possuir essa qualidade pode fazer a diferença na carreira de qualquer profissional e nos resultados das empresas.

Entretanto, os brasileiros não são o melhor exemplo de produtividade no mundo. Estamos em 57º lugar em produtividade em um ranking de 148 países, segundo o levantamento do Fórum Econômico Mundial (WEF).

Por outro lado, uma pesquisa da revista Exame com 113 grandes empresas brasileiras aponta que mais da metade delas já investiu em melhoria de processos e gestão para elevar a produtividade e 60% delas confirmam que continuarão a fazer aportes nesse sentido.

Portanto, DINHEIRO quer saber: como é possível estimular a produtividade nas empresas, em tempos de recursos limitados? Executivos da indústria local apontam alguns caminhos.

Novas ferramentas

A diretora de tecnologia da Whirlpool Latin America, Renata Marques, conta que entre as ações da multinacional está um investimento feito desde 2003 em um processo que mapeia os processos da linha de produção e simplifica as etapas. “O lean manufacturing já garantiu 10% . de melhoria na qualidade e uma produção 77% mais rápida”, pontua.

No campo corporativo, segundo ela, as soluções, adotadas há um ano, surgem em forma de ferramentas digitais. “Passamos a utilizar ferramentas do Google como o hangout corporativo, o face to face e as vídeo- conferências para reduzir reuniões presenciais. Já a plataforma ‘Google for work’ permite que arquivos sejam compartilhados e editados ao mesmo tempo por várias pessoas”, destaca.

Gestão pessoal

Na Semp Toshiba, em Manaus, segundo o diretor industrial Paulo Sandrini, a aposta foi feita em capacitação pessoal. Desde 2013, o programa ‘Desenvolvimento de Líderes’ é aplicado, para permitir aos funcionários aprimorar habilidades comportamentais.

“Mapeamos o perfil de cada gestor e a partir daí desenvolvemos atividades para permitir que melhores decisões sejam tomadas, atividades desnecessárias eliminadas e que a comunicação seja aperfeiçoada” , relata.

Segundo ele, a nova metodologia permite o desenvolvimento de trabalhos multissetoriais. “Algumas equipes trabalhavam isoladas. Então criamos um ambiente que permitisse o diálogo entre elas, porque na prática, o resultado da empresa é a soma do trabalho de várias equipes e não de uma só”, ressalta.

Organize suas tarefas

O diretor executivo da Amazônia Socioambiental - start-up que viabiliza projetos de negócios sociais -, Diego Brandão, conta que precisou se organizar em duas frentes para conquistar aumento na produtividade.

“Primeiro, precisei me organizar pessoalmente. Na medida em que os compromissos da empresa foram aumentando, a agenda convencional deixou de atender as minhas necessidades. Foi quando conheci, por meio de alguns clientes da empresa, o Google calendário, uma ferramenta que me permite fazer uma agenda conectada ao celular. Ou seja, eu marco o compromisso no computador e agendo um lembrete para o celular”, detalha.

Já para a empresa, Diego e sua equipe adotaram outras ferramentas digitais, como o Google Forms, que cria e analisa pesquisas e formulários, o Doity para gestão de eventos e cursos, além de ferramentas que dão ao cliente a possibilidade de escolher a forma de pagamento.

“O mais interessante é que algumas dessas ferramentas são gratuitas ou tem um custo muito baixo e permitem uma facilidade de manuseio. Há cinco anos, essas ferramentas não estavam disponíveis. Era preciso uma consultoria para criar cada plataforma”.

A empresa atua ainda com coaching para todos os funcionários. As sessões de gestão estratégica são realizadas dentro da empresa para estimular os funcionários”.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.