Sábado, 07 de Dezembro de 2019
TENSÃO

Falta de prestação de contas causa atrito em ex e atuais membros do MBL

A prestação de contas seria referente a caravana realizada em agosto pelo Movimento Brasil Livre (MBL) ao longo da BR-319



show_br_1A3DEE39-C91F-45BA-95D6-19CFE9032943.jpg Fotos: Reprodução
25/10/2019 às 16:08

As relações entre membros e ex-membros do Movimento Brasil Livre (MBL) encontram-se abaladas por conta de uma possível falta de prestação de contas da caravana realizada em agosto pelo MBL ao longo da BR-319, de Humaitá a Manaus. Pelo menos cinco membros teriam sido excluídos do movimento.

Segundo a ex-coordenadora municipal do movimento, Karina D’ark, ela e outros dois dirigentes, sendo Arthur Fernandes em Manaus e o coordenador do MBL Humaitá, Marcelo Cavalcante foram removidos dos grupos de WhatsApp e das funções de administradores das páginas nas redes sociais sem aviso prévio pelo líder estadual, Jhony Souza. O coordenador do MBL estudantil de Humaitá, Jhonatam Campos e o subcoordenador do mesmo núcleo, Mikael Lemos também foram expulsos.



Segundo Karina, antes da caminhada acontecer, cada membro da coordenação ficou encarregado de conseguir recursos. Ela disse que Jhony afirmou ter arrecadado uma doação entre R$ 12 mil e R$ 15 mil de um empresário. Esse dinheiro seria para pagar as despesas da caminhada. No entanto, ao término do percurso, que durou cerca de duas semanas, o dinheiro não apareceu.

“Quando chegamos a Manaus, foi dito que não tinha dinheiro para pagar. Marcelo sugeriu então uma prestação de contas para ver o que houve, ver o que sobrou, qualquer coisa daríamos um jeito de pagar o resto. Jhony começou a dizer que o pagamento do motorista e do cozinheiro era uma responsabilidade do Marcelo, mas sabemos que esse não foi o acordo. A gente diz que o Marcelo foi expulso porque ele foi removido de todos os grupos de WhatsApp, perdeu a administração das páginas de redes sociais”, disse.

A ex-coordenadora disse também que entrou em contato com a coordenação nacional, mas não resolveu o problema. “Entramos em contato com a coordenação nacional, com o Marcelo Carratú. Ele disse que resolveria, mas não retornou. Procurei outro coordenador nacional, Marcio Colombo, que afirmou que as contas haviam sido prestadas com o próprio Marcelo Carratú e estava tudo certo. Pedimos para ter acesso, mas o MBL Nacional disse que não faria a prestação de contas”, concluiu.

O coordenador do MBL Humaitá, Marcelo Cavalcante contou que chegou a tirar dinheiro do próprio bolso para custear as despesas. "Eu fiquei responsável pelo caminhão, pela moto e pelo diesel, e cumpri. No final eu que paguei do meu bolso o cozinheiro e o motorista. O fato é que eu percorri o Brasil inteiro com recurso próprio para levar o nome do Amazonas e da BR-319 adiante”, destacou.

Os três membros, Karina, Marcelo e Arthur afirmam que levantaram um dossiê sobre a prestação de contas e por isso foram removidos do grupo e das funções administrativas do MBL, e que Jhony teria os acusado de fazer um motim na tentativa de afastá-lo do cargo de coordenador estadual.

Reunião

Ontem foi realizada uma reunião entre os membros do MBL, na qual o coordenador estadual do MBL, Jhony Souza disse ter apresentado aos presentes documentos referentes à prestação de contas.

“Na oportunidade fizermos a prestação de contas, falamos um pouco sobre o ocorrido. Mostramos extratos, planilha de custos, notas e recibos. Tudo que foi apresentado à nacional e ao empresário originário foi colocado à disposição da membresia. Em resumo, temos aprovação da nacional, empresário originário, lideranças municipais e membros do MBL”, comentou.

Mas Marcelo afirma que Jhony apresentou aos seus coordenados uma simples folha de papel onde estava escrito apenas as coisas que comprou, porém não mostrou o extrato bancário.

“Como ele expulsou todos que poderiam refutar, os militantes jamais saberão se os gastos são verdadeiros e quanto dinheiro foi arrecadado”, alegou Marcelo.

News whatsapp image 2019 05 27 at 11.54.48 8d32dbdd 4f80 4c51 b627 e3873c2e56de
Repórter
Cientista Social, Escritora e Jornalista. Repórter de A Crítica, apaixonada pela arte de contar histórias.

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.