Quinta-feira, 05 de Dezembro de 2019
Notícias

Familiares acusam PMs de matar quatro homens em Apuí (AM)

Os corpos dos homens, que tinham - todos - passagens pela polícia, foram encontrados em avançado estado de decomposição; Polícia militar abriu inquérito para investigar o caso



1.jpg Os quatro tinham passagens pela polícia
13/12/2015 às 14:05

Em estado avançado de decomposição, os corpos de quatro jovens, que estavam desaparecidos desde a última quinta-feira (10), foram encontrados em um sítio na tarde de sábado (12). A chacina ocorreu no município de Apuí, distante a 408 quilômetros de Manaus. Familiares das vítimas acusam policiais militares do município de serem os autores do crime.

De acordo com o delegado Francisco Rocha, titular da 71° Delegacia Interativa de Polícia (DIP), familiares o procuraram, na sexta-feira (11), para informar do desaparecimento de Henrique Pinheiro Portela e de Ezequiel de Paiva Oliveira, ambos de 18 anos. Também foram informados os desaparecimentos de Jaiano Douglas da Silva de Araújo e Francisco Pinheiro da Silva, ambos de 24 anos.



“Os familiares me relataram que eles foram para um sítio a 33 quilômetros do Município e que desde estão estavam desaparecidos. Eles acusaram que uma guarnição da Polícia Militar pegaram os rapazes e  cometeram o ato. Ontem (12), fomos acionados por populares que encontraram os corpos  em outro sítio, distante poucos quilômetros”, relatou Francisco Rocha.


De acordo com o delegado, as vítimas não são residentes de Apuí. “Eles são de Porto Velho. Três deles estavam por aqui há sete meses e outro jovem há um dia”, declarou. 

“Estamos ouvindo primeiramente as testemunhas e cuidando dos exames periciais. A partir daí tomaremos outras providências. Todos são envolvidos com o tráfico de drogas”, disse o delagado.

Em nota, a Polícia Militar afirmou que os policiais militares com os nomes envolvidos em denúncia de homicídio, lotados no município de Apuí, negam envolvimento nas mortes. A PM ressaltou que está contribuindo integralmente com a investigação da Polícia Civil a fim de elucidar os fatos.

Ainda em nota, a Polícia Militar afirmou que todos os policiais militares que tiveram o nome envolvidos no fato serão apresentados na delegacia de Apuí para devidos esclarecimentos. 

Segundo a PM, um oficial superior de polícia foi encaminhado para o município para que possa acompanhar os fatos. A Polícia Militar também instaurará Inquérito Policial Militar (IPM) para apurar o ocorrido internamente, encaminhando o resultado à Auditoria Militar Estadual, conforme prevê a lei.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.