Quarta-feira, 21 de Outubro de 2020
EM NOVA YORK

FAS participa do encontro de líderes da Rede SDSN, da Organização das Nações Unidas

Evento reuniu especialistas em desenvolvimento sustentável do mundo inteiro, entre eles o superintendente da Fundação Amazonas Sustentável, Virgílio Viana.



IMG_2962.jpg Virgílio Viana (à esq,) compareceu ao evento da ONU representando a FAS (Foto: Divulgação)
19/09/2016 às 21:24

Depois de 10 meses de implementação dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), a Rede de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável (SDSN) avaliou nesta segunda-feira (19) os avanços, desafios e a implementação da agenda global, vigente até 2030. O tema foi pauta do encontro de líderes da rede (Leadership Council) que aconteceu nos dias 18 e 19 de setembro em Nova York. 

Participaram do evento especialistas em desenvolvimento sustentável de várias partes do mundo, dentre eles o superintendente da Fundação Amazonas Sustentável (FAS), Virgilio Viana, o presidente da rede, Jeffey Sachs, além do primeiro ministro da Indonésia, Banbang Permadi, da ministra de Meio Ambiente do Marrocos, Hakima El Haite, e da secretária executiva da Convenção de Mudanças Climáticas da ONU (UNFCCC), Patricia Espinoza.



Durante o evento, houve consenso da importância de uma mobilização global mais efetiva em prol das metas, assinadas por 193 países-membros da Organização das Nações Unidas (ONU) em dezembro de 2015, em Paris.

“A agenda 2030 é mais que uma agenda ambiental: é uma agenda social, econômica, política e que precisa de mobilização de todos os atores, da universidade, dos jovens e da sociedade civil”, destacou o líder da rede, indicado em 2012 pelo secretário geral Ban-Kimoon, Jeffrey Sachs.

Em âmbito regional, a Amazônia teve espaço para várias contribuições. O co-chair da rede para a Bacia Amazônica, Virgilio Viana, ressaltou o papel das populações tradicionais na conservação da floresta nativa, e dos esforços em rede para replicar essas ações por mais localidades. Para ele, o clima em relação a Agenda 2030 é de preocupação, mas com otimismo:

“O encontro teve uma agenda muito importante para tratar da urgência do acordo de Paris, com líderes muito importantes, e que mostraram a necessidade de todos agirem com urgência”, destacou.

Amazônia na agenda

O Leadership Council da SDSN é parte dos eventos paralelos que acontecem durante a 71ª Assembleia Geral da ONU. Durante a semana também acontece a Semana do Clima (Climate Week), que terá um dia temático sobre a Amazônia, o Amazon Day.

O evento é promovido pela SDSN-Amazônia, e reunirá especialistas, estudantes e sociedade civil para a troca de experiências sobre soluções sustentáveis na região, realizado simultaneamente no Brasil, Colômbia e Peru, e transmitido gratuitamente na internet.

Inscrições podem ser feitas no link.

*Com informações da assessoria de imprensa


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.