Publicidade
Cotidiano
SAÚDE PÚBLICA

Fundação imuniza na primeira semana de ação 4.300 estudantes do AM contra sarampo

Durante 45 dias, as equipes da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas  (FVS-AM) percorrerão 234 escolas da rede estadual de ensino, para vacinar quem não tem a  comprovação da imunização na caderneta. 21/07/2018 às 11:32
Show sa de p blica
Foto: Divulgação
acritica.com Manaus (AM)

A primeira semana de vacinação contra o sarampo nas escolas estaduais de Manaus resultou na imunização de 4.300 alunos. A ação é coordenada pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas  (FVS-AM), órgão da Secretaria de Estado de Saúde (Susam), e faz parte das ações integradas de enfrentamento ao surto da doença no Estado, sobretudo, vivenciado na capital.

Durante 45 dias, as equipes da FVS percorrerão 234 escolas da rede estadual de ensino, para vacinar quem não tem a  comprovação da imunização na caderneta. A ação deve alcançar cerca de 230 mil alunos. As equipes de vacinadores permanecem na escola o dia inteiro, durante os três turnos de funcionamento.

A expectativa, segundo o secretário estadual de Saúde, Francisco Deodato, é a redução das notificações de sarampo em escolares. "A recusa à vacina está sendo mínima, em média 3 casos por escola, e isso demonstra que a população está sensível ao sério problema de saúde enfrentado pelo Amazonas nos últimos meses", avaliou.

O diretor presidente da FVS-AM, Bernardino Albuquerque, salienta que a vacinação é uma ferramenta efetiva para o combate à doença. Com as estratégias executadas pelo Estado e também pelo município, de ir em busca do público alvo, ele acredita que a interrupção da transmissão da doença está próxima de ser alcançada. "A vacina, em média, precisa de dez dias para tornar o indivíduo imune, então, em agosto será possível ter uma avaliação das ações", disse.

O Amazonas tem 3.120 casos notificados, sendo que 3.119 são provenientes de 15 municípios do Amazonas e 01 caso de outro estado. Ao todo, Manaus corresponde com 2.660 casos notificados, o que equivale cerca de 85,26% das notificações, seguido por Manacapuru, com 426 casos (13,63%). Foram  confirmados 444 casos em Manaus, descartados 147 e outros 2.529 seguem em investigação.

Treinamento internacional

A FVS sediou, nos dias 19 e 20 de julho, o Workshop sobre a Preparação de Resposta Rápida ao Surto de Sarampo na era Pós-Eliminação, coordenado por técnicos da Organização Pan- Americana de Saúde (Opas). Segundo a diretora técnica da FVS, Rosemary Costa Pinto, o Amazonas é segundo Estado a receber o treinamento, que teve como objetivo atualizar 39 profissionais que atuam na vigilância em saúde, laboratório, imunização, comunicação e assistência. “Agora, os nossos técnicos vão expandir a capacitação para os municípios”, disse Rosemary.

Publicidade
Publicidade