Quinta-feira, 25 de Abril de 2019
publicidade
1.jpg
Equipe do Corpo de Bombeiros trabalha nas buscas do menor de 12 anos
publicidade
publicidade

Notícias

Garoto de 12 anos some em rio após ataque de jacaré, próximo ao distrito do Cacau Pirera, na RMM

A criança brincava numa área alagada com amigos quando o animal, de aproximadamente 4 metros, apareceu. Todos nadaram em direção a uma árvore, mas um ficou para trás e foi puxado para baixo d'água. Mergulhadores estão no local


06/04/2015 às 18:14

CONFIRA GALERIA DE IMAGENS

Por volta de 10h desta segunda-feira (6), uma criança de 12 anos foi atacada por um jacaré numa alagação no bairro São José, mais conhecido como Mutirãozinho, a 2 km da sede do distrito de Cacau Pireira, na Região Metropolitana de Manaus (RMM). De acordo com uma agente de saúde, que não quis ter seu nome revelado, a vítima tomava banho com mais três amigos quando avistaram o jacaré. A testemunha chegou a ver o grupo nadando em direção a uma árvore.

Entretanto, o garoto, que ainda não teve o nome divulgado, ficou para trás e foi atacado pelo animal, sendo levado para o fundo do rio. “Eu escutei um grito de socorro e quando eu saí na porta vi os garotos gritando, todos em cima de uma árvore”, relatou a agente, que acionou as autoridades. O Corpo de Bombeiros do Amazonas foi deslocado para o local e continua as buscas pelo corpo do garoto.

publicidade

O local fica em frente à feira livre, por trás da rua São Paulo, próximo à escola Procópio Maranhão, onde ele estava estudando. Segundo informações, ele saiu mais cedo nesta segunda-feira e foi tomar banho com os amigos.

De acordo com o micro-empresário Rubernilson Teixeira, 60, o jacaré tinha aproximadamente quatro metros e veio à tona no momento em que vários comunitários já estavam fazendo buscas inclusive com uma rede, mas não havia sinais da vítima. Um dos comunitários tentou arpoar o animal mas não conseguiu acertar o alvo.

“Nunca tinha visto um caso desses. Nessa época de enchente eles vêm atrás de comida nos igarapés. A mãe do menino estava no Iranduba e chegou desesperada”, relatou Teixeira. Uma equipe do Corpo de Bombeiros do Amazonas continua no local, fazendo buscas, inclusive com apoio de mergulhadores.


publicidade
publicidade
Detran e Seinfra irão sinalizar rodovias estaduais no Amazonas
Música clássica inspira exposições fotográficas em cartaz na capital
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.