Terça-feira, 15 de Junho de 2021
INVESTIMENTO

Governo cria programa para fabricação de satélites brasileiros

O objetivo é monitorar o clima com o objetivo de prevenir desastres naturais e o aperfeiçoamento do processo de agricultura de precisão



sem_titulo-1_22_80C9BB8E-5AF6-4341-9B61-5AED18804050.jpg Foto: Divulgação
10/05/2021 às 14:37

O Diário Oficial da União traz hoje (10) portaria que cria o Programa Constelação Catarina e o Consórcio Catarina, que prevê a criação e fabricação de 13 satélites. Desenvolvido pela Agência Espacial Brasileira (AEB), o programa prevê uma “constelação de satélites” que ajudarão o Brasil a monitorar clima, a fim de prevenir desastres naturais e aprimorar o processo de agricultura de precisão.

“O Programa Constelação Catarina compreende um conjunto de iniciativas consorciais voltadas para o desenvolvimento de sistemas espaciais baseados no uso de nano satélites, que se complementam por meio do compartilhamento colaborativo de infraestruturas espaciais, de conhecimento, de dados, de serviços e de aplicações espaciais”, informa a portaria que estabelece diretrizes e instrumentos a serem adotados como referência para o programa.



A portaria prevê a criação do chamado Consórcio Catarina, que é o conjunto de entidades partícipes que vão atuar coordenadamente nas cooperações e nas atividades do Programa Constelação Catarina, que atenderá prioritariamente os setores agropecuário e de defesa civil nacionais.

Além de apresentar instâncias e organização do Consórcio Catarina, a portaria prevê a criação – e dá as diretrizes de implementação – de um regimento interno ainda a ser lançado.

O consórcio terá como membro permanente a Agência Espacial Brasileira. O papel, as atribuições, o perfil de participantes e de clientes do Conselho Catarina e do grupo executivo das  instâncias do Consórcio Catarina estão descritos na portaria.


Mais de Acritica.com

15 Jun
WhatsApp_Image_2021-06-15_at_20.54.40_91E6878E-6D07-4166-9A69-6811292E621D.jpeg

Homem é morto a tiros e outro fica ferido na Compensa

15/06/2021 às 21:03

Felipe Siqueira Pereira, 30, foi morto a tiros na rua Cristo Rei, situada no bairro Compensa, Zona Oeste da cidade, na noite desta terça-feira (14). O primo dele, Wilian Siqueira Pereira, 36, foi atingido por disparos de arma de fogo ao entrar em luta corporal contra o assassino no intuito de salvar o familiar. 


Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.