Domingo, 25 de Agosto de 2019
VALORIZAÇÃO

Governo realiza promoção de 314 bombeiros militares do Amazonas

Decretos foram assinados pelo governador Amazonino Mendes e serão publicados na edição desta quinta-feira (8) do Diário Oficial do Estado do Amazonas



bombeiros.jpg Foto: Divulgação
08/03/2018 às 17:59

Pelo menos 314 bombeiros militares do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) foram promovidos nesta quinta-feira (8). Os decretos foram assinados pelo governador Amazonino Mendes e serão publicados na edição desta quinta-feira (8) do Diário Oficial do Estado do Amazonas.

Essa é uma das maiores promoções da história da corporação feitas pelo chefe do Poder Executivo. As ascensões abrangem tanto o Quadro de Oficiais Bombeiro Militar (QOBM) quanto o Quadro de Praças Bombeiro Militar (QPBM), conforme explica o comandante geral do CBMAM, coronel Mauro Marcelo Lima Freire.

“Elas serão publicadas no diário oficial desta quinta-feira, que estará disponível a partir de amanhã (sexta-feira). São 314 bombeiros militares promovidos em uma das maiores promoções já feitas por um governador para a corporação. Aproveito para agradecer ao governador Amazonino Mendes pelo compromisso firmado e agora concretizado através dessas promoções”, disse a autoridade militar.

De acordo com o vice-governador e secretário de segurança, Bosco Saraiva, as promoções fazem parte das ações de valorização dos servidores da segurança. No fim do mês passado, 1.180 policiais militares foram promovidos.

“São 314 bombeiros militares que tiveram as promoções assinadas por merecimento pelo governador Amazonino. As atas da Polícia Militar seguem em análises para que possamos avançar ainda mais com as promoções que estão atrasadas e que, agora, no governo do Amazonino está sendo atualizadas”, disse.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.