Publicidade
Cotidiano
Notícias

Greve da Polícia Militar está prevista para acontecer esta sexta-feira (15), afirma Apeam

De acordo com presidente da Associação, Gerson Feitosa, todos os canais de diálogos com o governo foram fechados e a única saída é pressionar 13/05/2015 às 19:07
Show 1
Em abril de 2014, policiais fizeram uma paralisação que durou 12 horas
Acrítica.com Manaus

A greve da Polícia Militar do Estado do Amazonas (PM) está prevista para acontecer nesta sexta-feira (15). As informações foram confirmadas na tarde desta quarta-feira (13) pelo presidente da Associação de Praças do Estado do Amazonas (Apeam), Soldado Gerson Feitosa, que afirmou está mantida a paralisação.

Conforme o presidente, na noite desta terça-feira (13) está prevista mais uma reunião com o restante dos policiais para acertar os próximos passos da paralisação. “É importante ressaltar que o deputado estadual Platiny Soares (PV), que representa a categoria, também está a favor. O governador também se recusa em abrir qualquer janela de diálogo nesse momento”, afirmou.

Ainda de acordo com Gerson Feitosa, fechado todos os canais de diálogos com o governo foram fechados. Segundo ele, não há mais saída, apenas pressionar os órgãos competentes.

“Hoje ia ter mais uma reunião às 14h com o governador, e ele nos informou apenas que não ia ter tempo de nos atender e ficamos sem nenhuma resposta, e o que ficou definido é que não seríamos recebidos”, disse.

O motivo principal da paralisação será pelo fato das promoções dos policiais militares, onde as reivindicações da categoria não foram atendidas. “Foi decidido este ato devido o governo ter se negado a aceitar a proposta do nosso representante Platiny, onde seria suspensa uma das gratificações para custeio das promoções dos nossos irmãos de farda”, finalizou Gerson Feitosa.

Publicidade
Publicidade