Publicidade
Cotidiano
Notícias

Homem é preso por homicídio minutos após o crime no AM

De acordo com o delegado titular da DIP de Manacapuru, Antônio Rodrigues, a prisão foi efetuada após denúncias de testemunhas, minutos após crime em Manacapuru  22/08/2015 às 16:44
Show 1
O auxiliar de serviços gerais José Francisco dos Santos Amaral, 42, conhecido como “Zé Boto”,foi preso pelo homicídio do pescador Jackson da Silva Araújo, 24
ACRITICA.COM ---

Policiais civis da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Manacapuru, a 68 quilômetros em linha reta de Manaus, prenderam em flagrante, por volta das 23h de sexta-feira, 21, o auxiliar de serviços gerais José Francisco dos Santos Amaral, 42, conhecido como “Zé Boto”, pelo homicídio do pescador Jackson da Silva Araújo, 24.

De acordo com o delegado titular da DIP de Manacapuru, Antônio Rodrigues, a prisão foi efetuada após denúncias de testemunhas, minutos após crime, na Rua Beira Rio, bairro Terra Preta, nas proximidades da residência de um amigo do infrator.

“Jacson foi morto com uma facada no peito, por volta das 22h30 desta sexta-feira, em uma quadra de esportes localizada no bairro Mutirão”, informou a autoridade policial.

Antônio Rodrigues disse ainda que, conforme a apuração policial, o homicídio foi uma vingança a uma agressão cometida contra “Zé Boto”, que teria sido ferido pela vítima com uma faca anteriormente.

“José Francisco premeditou o crime. Ele levou Jacson até a quadra para tomar cerveja e lá começou a relembrar o incidente. No local, ele desferiu o golpe fatal”, concluiu o delegado.

O infrator responderá por homicídio qualificado. Após os procedimentos realizados na delegacia, ele será encaminhado ao presídio Ataliba David Antonio, em Manacapuru, onde ficará à disposição da Justiça.

*Com informações da assessoria de comunicação. 


Publicidade
Publicidade