Terça-feira, 21 de Maio de 2019
Notícias

Homem que atacou gato é preso em Iranduba

A polícia informou que o gato está vivo e com uma lesão de mordida na jugular.



1.jpg
O pedreiro Mauro estava embriagado na hora do ataque
21/01/2013 às 18:00

O homem flagrado atacando um gato de rua com dentadas na jugular no último domingo (20) foi detido por agentes da polícia civil da Delegacia Especializada em Crimes contra o Meio Ambiente (DEMA) em uma ação conjunta com policiais do 31º Distrito Integrado de Polícia (DIP) no início da tarde desta segunda-feira (21) no município de Iranduba, a 25 quilômetros de Manaus. O autor do crime foi identificado como Mauro Neves Rodrigues de Souza, 42, pedreiro de profissão e natural do município de Urucurituba.

No momento da prisão ele se encontrava bebendo no mesmo local onde cometeu os maus tratos contra o animal.

Mauro prestou depoimento ao delegado titular do DIP, Elcy Barroso. Ele afirmou não se lembrar muto bem do ocorrido pois estava embriagado após ingerir cerca de dois litros de conhaque na ocasião das mordidas. Ele disse que não gostou da gata estar se esfregando em suas pernas à procura de carinho e por isso a mordeu.


Ele será autuado pelo crime ambiental de Maus Tratos: praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos, cabe pena de detenção de três meses a um ano e multa, segundo informaçõe da assessoria da Polícia Civil.

Gato está vivo

O animal, uma fêmea já adulta e com filhotes, passa bem e se recupera do ferimento na região da jugular causado pelo agressor. Ela será encaminhada ainda nesta segunda-feira pela Ong Proteção Adoção e Tratamento Animal (PATA), que abriga animais abandonados.



Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.