Domingo, 26 de Janeiro de 2020
PESQUISA

IBGE: deterioração do emprego contribuiu para queda do consumo das família

Ao apresentar as Contas Nacionais do período, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística destacou o crescimento nominal de 0,7% do saldo de operações de crédito do sistema financeiro nacional



supermercados_dia_8.jpg (Foto: Arquivo Agência Brasil)

A deterioração dos indicadores de emprego contribuiu para que o consumo das famílias caísse 1,9% no primeiro trimestre deste ano, comparado a igual período de 2016.

Ao apresentar as Contas Nacionais do período, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) destacou o crescimento nominal de 0,7% do saldo de operações de crédito do sistema financeiro nacional, o que representou uma queda em termos reais.

No período, a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) subiu 4,9%, enquanto a taxa básica de juros, a Selic, caiu para 12,3% ao ano.




Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.