Publicidade
Cotidiano
Notícias

Imigrantes resgatados pela Itália dizem que mais de 50 estão desaparecidos após naufrágio

Mais de 2.000 imigrantes e refugiados morreram até agora neste ano na tentativa de chegar à Europa por barco 12/08/2015 às 16:29
Show 1
Mediterrâneo se tornou a zona de fronteira mais mortal para os imigrantes
Reuters Roma

Mais de 50 imigrantes estão desaparecidos devido ao naufrágio de um grande bote inflável no mar Mediterrâneo, afirmaram nesta quarta-feira equipes de resgate da Itália, enquanto mais de 1.500 pessoas foram resgatadas de outras embarcações nas últimas 24 horas.

O Mediterrâneo se tornou a zona de fronteira mais mortal para os imigrantes. Mais de 2.000 imigrantes e refugiados morreram até agora neste ano na tentativa de chegar à Europa por barco. Em todo o ano passado, essa cifra chegou a 3.279 mortes, informou na semana passada a Organização Internacional de Migração.

Publicidade
Publicidade