Publicidade
Cotidiano
Notícias

Instituto investe em educação e mão de obra especializada para o Polo Industrial de Manaus

Com foco nas empresas do PIM, Centro Literatus amplia grade de educação profissional com novos cursos técnicos de até 18 meses 08/03/2015 às 15:01
Show 1
Objetivo é qualificar mão de obra local para trabalhar no PIM
ACRITICA.COM ---

O Centro Literatus (CEL) amplia este ano seus cursos de educação profissional para área de indústria. Entre eles estão os cursos técnicos em gestão e negócios; infraestrutura; controle e processos industriais; e eletrotécnico.

De acordo com a diretora de educação profissional, Amanda Estald, o objetivo de ampliar as áreas de atuações é qualificar mão de obra local para o mercado de trabalho, principalmente com o intuito de inseri-las nas empresas do Polo Industrial de Manaus (PIM) onde as exigências crescem a cada momento.

“Hoje toda e qualquer empresa, principalmente as do Distrito procuram profissionais com o embasamento teórico e prático. Antes, muitas delas contratavam pessoas com formação de nível médio ou em processo de formação superior, e muitas das vezes tinham que passar por um treinamento para exercer determinada função. Hoje, elas buscam um profissional técnico formado capaz de atender qualquer necessidade”, disse.

Amanda destacou o curso de eletrotécnico, que tem como objetivo capacitar o aluno a atuar e desempenhar atividades direcionadas para execução, operação e instalação de equipamentos elétricos e eletrônico, como também executar instalação e manutenção de iluminação e sinalização de segurança. O curso será voltado para todas as competências exigidas pelo MEC e terá a duração de 18 meses.

Núcleo

A instituição oferece ao aluno o Núcleo de Empregabilidade, que tem como finalidade desenvolver as competências e habilidades comportamentais que contribuam para a entrada mais rápida no mercado de trabalho.

“O núcleo realiza atividades voltadas para os alunos, como workshops, palestras, desafios, exercícios de autoconhecimento, além de encaminhá-los para estágios extracurriculares. No curso de gestão por exemplo, o aluno se qualifica em 11 meses e consegue se inserir no mercado”, destacou Stald.

Exemplos de sucesso

Com o objetivo de atuar em novas áreas profissionais, a professora licenciada em História e especializada em docência no ensino superior, Bruna Luna de Oliveira, procurou o Centro Literatus para se especializar e se aventurar e se qualificar no ramo da saúde. Aluna do curso de técnica em nutrição há seis meses, Bruna, encontrou no curso uma oportunidade de aprender coisas novas e principalmente atuar em uma nova área.

“Meu objetivo foi mesmo em aprender uma outra área. E encontrei no curso de nutrição essa oportunidade. Ganhar conhecimento e almejar um recurso financeiro melhor e bem sucedida”, disse.

Atuando como estagiário em uma grande empresa de Manaus, o estudante de administração, Carlos Alessandro de Oliveira, encontrou no curso técnico em logística a oportunidade de enriquecer seus conhecimentos e complementar sua graduação. “A logística trabalha com a parte principal da empresa,  esse curso técnico é um complemento da minha graduação em administração e uma forma de enriquecer meu currículo”, ressaltou.

Publicidade
Publicidade