Publicidade
Cotidiano
Notícias

José Melo diz em entrevista que anúncio de secretários causaria 'tumulto' no governo

José Melo afirmou ainda que avalia ampliar o escopo da Secretaria de Planejamento (Seplan), atualmente ocupada pelo ex-delegado da Receita Federal, Airton Ângelo Claudino 23/12/2014 às 14:22
Show 1
José Melo
raphael lobato ---

O governador José Melo (Pros) disse, em entrevista no fim da manhã desta terça-feira (23), que não quer adiantar informações sobre mudanças no secretariado para evitar “tumulto” no governo. Melo afirmou ainda que avalia ampliar o escopo da Secretaria de Planejamento (Seplan), atualmente ocupada pelo ex-delegado da Receita Federal, Airton Ângelo Claudino.

Questionado sobre as trocas no corpo de secretários, José Melo evitou adiantar detalhes. “Terminamos agora o processo de prestação de contas da campanha. Só a partir dessa semana comecei a tocar nesse assunto. Se eu fosse adiantar alguma coisa agora, isso iria causar um tumulto muito grande no governo. E estamos num momento tão bom, de natal”, disse.

No grupo de secretarias que irão passar por mudanças de estrutura, Melo revelou que estuda transformar a pasta de Planejamento (Seplan) em Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Econômico. A inclusão do setor no escopo da Seplan acomodaria a pasta de Mineração, Geodiversidade e Recursos Hídricos (SEMGRH), da cota do PT no governo.

Após ter anunciado na semana passada que a reforma administrativa resultará em R$700 milhões de economia aos cofres públicos, Melo revelou ontem, durante entrevistas, que 80% da atual equipe permanecerá a partir de janeiro de 2015.  Oficialmente, já foi anunciada a substituição do titular de Segurança (SSP), Paulo Roberto Vital, pelo ex-superintendente da Polícia Federal do Amazonas, Sérgio Fontes.


Publicidade
Publicidade