Domingo, 19 de Maio de 2019
Notícias

Link do Censo Previdenciário Municipal estará disponível a partir de segunda-feira (11)

O agendamento se encerra no dia 16 de junho e o recenseamento acontecerá no período de 17 de fevereiro a 17 de junho de 2016



1.jpg
A Manaus Previdência realizou na manhã desta sexta-feira (8) testes com o link
08/01/2016 às 19:15

A partir da próxima segunda-feira (11) estará disponível o link que vai possibilitar o acesso a informações e o agendamento online por parte dos servidores efetivos da Prefeitura de Manaus e da Câmara Municipal, assim como dos aposentados e pensionistas do município, para a realização do Censo Previdenciário 2016.

O link vai estar disponível para o recenseamento em banners de apresentação nos sites da Prefeitura de Manaus e da Manaus Previdência. O agendamento se encerra no dia 16 de junho e o recenseamento acontecerá no período de 17 de fevereiro a 17 de junho de 2016.

A Manaus Previdência realizou na manhã desta sexta-feira (8) testes com o linkOs testes envolveram alguns colaboradores da própria autarquia, entre eles, o diretor-presidente do órgão, Marcelo Magaldi, que entre as ações que executou, fez o agendamento para apresentar os documentos no recenseamento. “O link está funcionando normalmente, nos dando a tranquilidade de que a tarefa da renovação da base cadastral dos servidores na Prefeitura acontecerá de forma satisfatória”, disse.

Segundo Magaldi, aposentados e pensionistas que moram em outro Estado ou ativos que estejam lotados ou disponibilizados para órgãos com sede fora de Manaus podem participar do censo por meio de um procurador. E aqueles que estão hospitalizados ou acamados em Manaus podem solicitar a visita de uma equipe volante do Censo para atualizar os dados cadastrais.

Outra mudança em 2016 é que não haverá o recadastramento dos aposentados e pensionistas do município no mês de seu aniversário, à medida que o censo já vai cumprir esse papel.

“Queremos enfatizar que essa ação é essencial para a atualização os dados cadastrais e funcionais dos servidores públicos municipais efetivos, estando em atividade ou não, assim como pensionistas e dependentes, todos vinculados ao Regime Próprio de Previdência Social (RPPS). Vamos construir uma base de dados sólida e confiável, possibilitando um cálculo financeiro e atuarial mais preciso, reduzindo o custo da previdência para o município já a partir deste ano”, explicou Marcelo Magaldi.

*Com informações da assessoria de imprensa


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.