Publicidade
Cotidiano
Notícias

Lista tríplice para escolha de novo Procurador-Geral de Justiça do Amazonas está formada

Os promotores Fábio Monteiro, Alberto Nascimento e Paulo Stélio Guimarães foram eleitos pelos colegas do MP nesta sexta (12); decisão agora fica a cargo do governador José Melo 12/09/2014 às 20:50
Show 1
Sede do MPE-AM
Renildo Rodrigues* Manaus (AM)

Nesta sexta-feira (12), membros do Ministério Público do Estado (MPE-AM) elegeram os nomes que irão concorrer ao cargo de Procurador-Geral de Justiça do Amazonas. Os três escolhidos, Fábio Monteiro, Alberto Nascimento e Paulo Stélio Guimarães, deverão agora passar pelo crivo do governador José Melo, que tem quinze dias para optar por um deles – caso contrário, o mais votado entre os três será empossado.

A cerimônia ocorreu entre as 8h e as 16h, na própria sede do órgão, na Av. Cel. Teixeira, bairro Nova Esperança, Zona Oeste de Manaus. Dos 165 membros aptos a votar, 151 participaram da eleição. Fábio ficou com 74 votos, enquanto Alberto teve 57, e Paulo, 49. O pleito transcorreu de forma tranquila.

Na página do MPE na internet, os candidatos apresentam suas propostas para o cargo. Fábio afirma que a sua administração não será marcada por um projeto “próprio, exclusivo”, mas sim pela contribuição, através de ideias e iniciativas, de todos os membros do órgão, dos quais será “a voz”.


Fábio Monteiro (na foto) foi quem recebeu mais votos (Luiz Vasconcelos/Arquivo AC)

Alberto, por sua vez, propõe uma “administração participativa”, com um reforço na estrutura do órgão e a promoção da qualificação dos servidores, para “evitar, com isso, a perene atuação isolada e quase artesanal de cada Promotoria de Justiça”.

Já Paulo Stélio tem como “meta prioritária a estruturação das promotorias de justiça”, o aperfeiçoamento dos membros e servidores e o apoio aos promotores que atuam no interior do estado.

O procurador-geral de Justiça é um dos cargos máximos do Ministério Público. Ele exerce uma série de funções administrativas e é responsável pela coordenação e designação de membros do MP para uma série de atribuições do órgão, como a proposição de ação civil pública ou o acompanhamento de inquéritos policiais. A lista tríplice será encaminhada a José Melo na próxima segunda-feira (15).

*Com informações da repórter Janaína Andrade.

Publicidade
Publicidade