Quinta-feira, 18 de Julho de 2019
Notícias

Manaus está entre as capitais do País que mais consome, diz pesquisa

A previsão é que Manaus gaste mais de R$ 27 bilhões em 2013



1.jpg Os manauenses estão entre os que mais gastam no País
18/05/2013 às 17:07

Seis shoppings centers ativos, três em fase de construção, 46.809 comércios e 47.047 prestadores de serviços. Com números tão altos como estes, Manaus se coloca entre as cidades mais “consumistas” do Brasil.
Segundo pesquisa realizada pela IPC Marketing Editora - empresa especializada no cálculo de índices de potencial de consumo - a capital do Amazonas é a 11ª cidade que mais consome no Brasil e é líder absoluta no Norte do Brasil.

O potencial de consumo estimado da capital amazonense em 2013 é de nada menos que R$ 27,22 bilhões. Já o consumo per capita do manauara deve ser de 14.425,91 para quem vive na área urbana da capital.  

Entre as áreas que os moradores da capital mais gastam, está a manutenção do lar e a alimentação. Na primeira, o manauara deve investir 7,53% do seu orçamento no ano. Com refeições, a previsão é que se gaste 3,83% com café, almoço e janta em casa e 1,65% com as refeições fora de casa.

Outro item que consome boa parte do dinheiro do manauara durante o ano é o transporte. Quem utiliza transporte público urbano gastará mais (1,22% do orçamento). Os proprietários de veículos devem desembolsar 1,18% na manutenção de seu automóvel. O vestuário consumirá 1,03%. Com higiene e cuidados pessoais, os moradores de Manaus vão desembolsar 0,91% de suas economia. Com lazer e cultura, o estimado é que 0,51% seja “abocanhado” pelo setor.

A pesquisa do IPC também expõe a concentração de renda na capital do Amazonas. O segundo município com potencial de consumo do Amazonas é Itacoatiara, com R$ 689 milhões estimados para o consumo neste ano. Parintins, com R$ 688 e Manacapuru  R$ 674 milhões seguem com números bem distantes da realidade da capital.

A pesquisa dividiu os consumidores em oito classes (A1, A2, B1, B2, C1, C2, D, E). Em Manaus,  a classe B2 é a que mais deve consumir (7 bilhões). A classe B1 e a A2, com cerca de 5 bilhões vem na sequência. Apesar do maior poder aquisitivo, a classe A1 só gastará mais do que a classe E. Enquanto os milionários de Manaus gastarão “apenas” R$ 832.744.319 milhões, a classe mais popular desembolsará cerca de 21 milhões no ano.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.