Quinta-feira, 27 de Junho de 2019
Notícias

Marcelo Ramos anuncia saída do PSB, de Serafim Corrêa

Anúncio ocorre no dia em que o presidente nacional da sigla vem a Manaus para fazer uma ato de filiação de novos membros



1.jpg Marcelo foi candidato a vice-prefeito na chapa encabeçado por Serafim Corrêa em 2012
06/05/2015 às 17:10

Candidato ao Governo do Amazonas em 2014, o ex-deputado Marcelo Ramos anunciou, na tarde dessa quarta-feira (06), sua saída do Partido Socialista Brasileiro (PSB). O pedido de desfiliação foi divulgado da página oficial de Marcelo Ramos, no Facebook.

“Quando eu me vi sem mandato, sem renda fixa, tendo de recomeçar minha vida, eu acreditei. Agora novamente eu acredito na decisão serena que tomo de me desfiliar do PSB, partido pelo qual exerci o mandato de deputado estadual e que acolheu minha candidatura para a eleição de 2014. Eu acredito que realizei um bom trabalho durante minha estada nessa casa, honrei a trajetória do partido e ajudei a escrever um pouco de sua história, e por isso me sinto feliz e realizado”, afirma o político.

Marcelo Ramos começou na política filiado ao PCdoB e estava no PSB desde 2008. Nas eleições de 2014, Ramos negava possibilidade de sair do partido. Desde o começo deste ano, o ex-parlamentar sonda e é sondado por partidos como PDT e PV para filiação. Ele diz que espera a Rede Sustentabilidade se consolidar para ingressar na legenda, articulada por Marina Silva.

Marcelo Ramos concorreu pela primeira vez a um cargo executivo nas eleições de 2014, disputando vaga para governador do Estado do Amazonas. Recebeu 179.758 votos no geral. Na capital, foram 17% dos votos.

Ato político de filiação

Coincidindo com a saída de Marcelo Ramos, na noite desta quarta-feira, ocorre um ato político de filiação do partido. O evento contará com a presença do presidente Nacional do PSB, Carlos Siqueira e do presidente da Fundação João Mangabeira (FJM), Renato Casagrande. A integração de novos militantes do PSB acontecerá às 19h, no Jevian Festa, na Zona Centro-Sul de Manaus.

“O ato de filiação é importante porque mostrará o peso do partido que tem história e um legado diante da sociedade. Vamos mostrar para Manaus, o Amazonas e o Brasil a nossa força, principalmente neste momento da fusão do PPS com o PSB”, explicou o presidente estadual Marcelo Serafim.

O coordenador da Fundação João Mangabeira, Alexandre Barbosa, afirma: “Estamos empenhados para o sucesso do ato de filiação em um espaço para 500 pessoas e todos estão convidados”.

O presidente estadual do partido, afirmou que é normal esse tipo movimentação em partidos e que o PSB vai continuar com todos os seus projetos de contribuição coletiva para a sociedade.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.