Publicidade
Cotidiano
Notícias

Matrícula no ensino superior privado cresce 459% no Amazonas

A rede privada em todo País representava 4,4 milhões de alunos matriculados no ano de 2013, contra 1,8 milhão nas instituições públicas 11/11/2015 às 13:35
Show 1
A Região Norte está em quinto e último lugar em número de alunos matriculados em cursos presenciais nas Universidades, com 423,6 mil ou 6,9% do total do País
acritica.com* Manaus (AM)

O ensino superior privado no Amazonas obteve um crescimento de 459% em relação ao número de matrículas em 13 anos. Já o setor público apresentou um aumento de 234% no mesmo período. Os dados constam do Mapa do Ensino Superior no Brasil 2015, lançado pelo Sindicato das Mantenedoras de Ensino Superior (Semesp) em outubro. O estudo traz dados de 2013, último período em estudo, comparados ao ano 2000.

O crescimento do número de matrículas em cursos presenciais nas instituições privadas de Ensino Superior no Estado cresceu 6,3% em 2013, atingindo a marca de 84 mil, contra 79 mil do ano anterior. Na rede pública o índice teve um crescimento de 5,1%, totalizando 53 mil matrículas em 2013 contra 51 mil em 2012.

A Região Norte está em quinto e último lugar em número de alunos matriculados em cursos presenciais nas Universidades, com 423,6 mil ou 6,9% do total do País, apresentando em 2013 um crescimento de 4,7% nesse número em relação ao ano anterior.

O Estado do Amazonas foi o grande responsável por esse índice, apresentando 137 mil matrículas (32,4% do total na região) em cursos presenciais. Em seguida está o Pará com 125 mil (29,6%) matrículas. Os estados de Tocantins e Rondônia ficaram com menos de 50 mil matrículas (ou 21,9%). E os estados do Amapá, Acre e Roraima ficaram com menos de 30 mil matrículas (ou 16,1%).

Os dados seguem a tendência nacional de crescimento. A rede privada em todo País representava 4,4 milhões de alunos matriculados no ano de 2013, contra 1,8 milhão nas instituições públicas. Foi a que mais cresceu em 10 anos , um índice de 59%, já que no ano 2000 tinha 1,8 milhão de estudantes matriculados. O crescimento da rede pública ficou em 50,7% nesse período, uma vez que detinha 887 mil das matrículas há dez  anos. 

Direito, Administração, Pedagogia e Engenharia Civil foram os cursos presenciais mais procurados por universitá-rios nas instituições de ensino superior privado no Brasil em 2013. De acordo com a diretora da faculdade Martha Falcão|Devry, Helena Rosa Vieira Lima, a mesma procura é observada na instituição, com destaque para os curso de Direito e de Engenharia Civil e de Produção. “São os mais procurados pelos alunos e a tendência é aumentar, uma vez que disponibilizamos quatro novos cursos de engenharia no último vestibular: Ambiental, Sanitária, Elétrica e Mecânica”, afirma.

A lista dos candidatos aprovados no Vestibular 2016 realizado no último dia 7 será divulgada hoje, no site da instituição. O prazo para a realização de matrículas  da Faculdade Martha Falcão|DeVry termina neste sábado (14), ao meio dia, conforme edital publicado no site. O valor poderá ser parcelado em até seis vezes no cartão e dá direito a 7% de desconto.

*Com informações da assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade