Quarta-feira, 28 de Julho de 2021
MESA POSTA

Meseiras artesãs realizam primeira Exposição de Mesa Posta do Amazonas

Evento aconteceu no Shopping do Artesanato e Economia Solidária, localizado na avenida Djalma Batista, bairro Chapada, Zona Centro-Sul de Manaus



IMG_6393_-_Copia_764C331E-2E90-4DB7-8F06-A2BDA2CEBCB9.JPG Fotos: Gilson Mello/Freelancer
30/04/2021 às 20:06

Com o objetivo de apresentar o artesanato regional e resgatar a identidade do Amazonas para o ambiente familiar, meseiras artesãs realizaram na manhã desta sexta-feira (30/04) a primeira "Exposição de Mesa Posta do Amazonas" no Shopping do Artesanato e Economia Solidária, localizado na avenida Djalma Batista, bairro Chapada, Zona Centro-Sul de Manaus.

A mesa posta é o ato de organizar elementos como pratos, talheres e copos sobre a mesa, com o intuito de apresentar uma refeição para os convidados. Segundo a coordenadora do evento, Giselly Gama Passos, a exposição busca valorizar os elementos da região amazônica, como frutos, sementes naturais da terra.



"A nossa primeira exposição tem como intuito regionalizar a mesa posta, trazer os elementos da nossa região, como o tucum, as sementes, a juta, tudo isso para a mesa do amazonense. Nós fomos contempladas pelo Edital da Lei Aldir Blanc, que tornou possível a realização desse evento", contou a coordenadora que também é artesã.

Além de Giselly Passos, proprietária da Mesa Posta Amazônia, outras quatro artesãs compõem o quadro de expositoras, sendo: Rosângela Barboza (PresenteArte Artesanato); Adriana Fernandes (Artesanato da Drika); Maria Fernandes (Duastes Maria) e Edsa Nássara, presidente da Associação dos Grupos Alternativos de Geração de Renda de Manaus (ASSGAGER).

"O evento é composto por cinco empresas que chamamos de empresas-artesãs, onde cada meseira decidiu seu tema, há mesas que falam sobre o surubim, peixes, aves, juta. É tudo bem variado. Pretendemos popularizar a mesa posta no Amazonas para que se chegue a mais pessoas do nosso Estado. Não só a fruta e a comida em cima da mesa, precisamos relembrar de onde nós somos e valorizar o que é da nossa terra", destacou Passos.

Resistência da categoria

Na véspera do Dia do Trabalhador, comemorado no próximo sábado (1), a presidente da ASSGAGER, Edsa Nássara, aproveitou o momento para destacar a importância da categoria para o Amazonas. Segundo a presidente da associação, os artesãos do Amazonas e em todo o país, não estão sendo valorizados, principalmente pelo poder público federal.

"Esse momento é muito propício. A gente pode dizer que celebra o Dia do Trabalhador. Mas não é apenas isso. É um dia de luta e resistência enquanto trabalhadores e principalmente, para os artesãos que não possuem vínculo empregatício. Estes profissionais não tem os direitos constitucionais garantidos, como a aposentadoria por tempo de trabalho e outros direitos que vem ao longo do tempo sendo tirados nesse governo atual.

Outro ponto apresentado por Edsa é a capacidade de reinvenção que muitos artesãos tiveram nesse período da pandemia. Muitos empresários do ramo do artesanato possuem uma certa idade, e para manter vivo os negócios, tiveram que recorrer as plataformas digitais.

"Aqui esse momento expõe os trabalhos, diz que a gente está vivo e demonstra que estamos nos reinventando nesse momento de pandemia. Queremos gerar renda pro sustento das famílias. Tem muitos artesãos aqui que vivem do artesanato. Esse é o seu ofício, o seu trabalho. Estamos lutando por nossos direitos de trabalhar com dignidade", acrescentou.

Empreendedorismo internacional

A secretária executiva do Trabalho e Empreendedorismo, Neila Azrak, também esteve presente na abertura da exposição. Em sua fala, a secretária ressaltou que apesar dos desafios, a categoria consegue se destacar em exposições nacionais e até fora do país.

"A exposição irá ampliar o campo de trabalho destes profissionais que poderão também se qualificar internamente. Esse é o nosso grande trabalho a nível nacional. Quando assumi a pasta, venho com essa luta em prol dos artesãos. Quando temos as feiras internacionais, faço questão de levar os nosso artesãos. Essa divulgação necessária principalmente dos nossos amazonenses, temos um valor muito maior lá fora do aqui", relatou a secretária.

News b9c859f0 b845 415e 97aa d9fe4eb65dc1 96581f6b 36a1 4a7c a5d9 8f8c56b0b256
Repórter de A Crítica
Amazonense, nascido e criado em Manaus. Graduado em Jornalismo e mestrando em Antropologia Social, ambos pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.