Domingo, 26 de Janeiro de 2020
SAÚDE

Ministério da Saúde anuncia fechamento de 13 unidades do 'Farmácia Popular' no AM

Além da capital, cronograma vai afetar outros oito municípios. Programa foi criado em 2004 pelo Governo Federal



farmacia.JPG Farmácia Popular na avenida Sete de Setembro vai fechar as portas até julho (Foto: Arquivo/AC)
06/06/2017 às 19:23

O Ministério da Saúde deve fechar 13 unidades próprias do Farmácia Popular no Amazonas. O programa, criado em 2004, ofertava medicamentos gratuitos ou com descontos de até 90% para a população. Sessenta unidades credenciadas em outro eixo do programa, o Aqui Tem Farmácia Popular, vão continuar a oferecer descontos e medicamentos gratuitos.

O cronograma de fechamento foi divulgado pelo órgão nesta terça-feira (6) e, de acordo com A Folha de São Paulo, o encerramento havia sido definido em março deste ano. Ao todo, 367 unidades que hoje estão em funcionamento deixarão de receber recursos.



Ainda conforme a Folha, a ideia é que, até julho, 95% já estejam fechadas. As prefeituras municipais podem optar por manter as unidades com recursos próprios.

As unidades que fecharão no Amazonas ficam em Manaus, Coari, Humaitá, Itacoatiara, Manacapuru, Maués, Parintins, São Gabriel da Cachoeira e Tefé. Confira os endereços abaixo:

Apesar disso, outras 60 farmácias e drogarias credenciadas no Aqui Tem Farmácia Popular continuam com descontos e remédios de graça no Estado. Os locais podem ser acessados neste link localizado no site do Ministério da Saúde.  


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.