Domingo, 26 de Maio de 2019
FISCALIZAÇÃO

Ministério Público pede que TCE apure despesas com Carnaval de 5 cidades do AM

Pedido do Ministério Público de Contas do Amazonas é para que Tribunal de Contas também multe gestores de Itapiranga, Maués, Nova Olinda do Norte, Presidente Figueiredo e Itacoatiara por sonegação de informações



carnaval-2.jpg
Foto: Divulgação
03/04/2018 às 15:27

O Ministério Público de Contas do Amazonas (MPC-AM) ingressou com representações junto ao Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM) para que o TCE-AM apure a realização de despesas ilegítimas com festejos de Carnaval, em 2018, nos municípios de Itapiranga, Maués, Nova Olinda do Norte, Presidente Figueiredo e Itacoatiara.

O MPC-AM pede, ainda, que o Tribunal multe os gestores por sonegação de informações, uma vez que os gestores dos municípios não responderam às requisições recomendatórias encaminhadas em fevereiro deste ano.

“Na defesa da ordem jurídica e considerando grave o quadro econômico e institucional atual, o MPC expediu Recomendações aos prefeitos no sentido de priorizar investimentos em serviços essenciais deficitários, inerentes à concretização de direitos constitucionais fundamentais, em detrimento da realização de despesas de festejos carnavalescos, concedendo o prazo de 10 dias para resposta. Segundo consta, até a presente data, os gestores silenciaram”, informou o MPC-AM nas representações.

*Com informações da assessoria de imprensa.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.