Publicidade
Cotidiano
Lei do farol baixo

Motoristas do AM estão desatentos a lei que obriga uso do farol baixo

De cada 100 carros que passaram pela barreira da rodovia AM-010 e BR-174 neste fim de semana, dez estavam com as luzes desligadas 11/07/2016 às 11:55
Show 0000
Policiais militares orientaram motoristas sobre o uso do farol (Foto: Antônio Lima)
Juliana Geraldo Manaus (AM)

Embora muitos condutores já estejam cientes da lei que obriga o uso do farol baixo em trechos urbanos de rodovias federais e estaduais, ainda existem motoristas em Manaus que ainda não se adaptaram à nova regra. Neste domingo, agentes do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM) e do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (BPtran) estiveram em alguns pontos da cidade orientando as pessoas sobre a medida. A partir de hoje, quem trafegar sem o farol baixo aceso será multado em R$ 85,13 e, perderá quatro pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). 

De acordo com o sargento do Batalhão de Trânsito, Arleison Teixeira, de cada 100 carros que passaram pela barreira da rodovia AM-010 e BR-174 na manhã de ontem, pelo menos dez ainda estavam transitando com o farol desligado. “É uma quantidade significativa considerando que só nesta manhã já passaram por aqui, em torno de quatro mil veículos”, apontou.

Segundo ele, os motoristas foram apenas orientados, mas a partir de hoje as notificações serão aplicadas sempre que necessárias. “As pessoas sabem da regra, mas ainda não se acostumaram. Então, estamos lembrando os condutores e pedindo para que eles liguem imediatamente o farol baixo”, explicou.

O vendedor, José Carlos Barbosa, de 54 anos, por exemplo, foi um dos que foram abordados por conduzir com a luz baixa apagada. “Eu soube que haveria a mudança, mas confesso que saí de casa e esqueci de ligar o farol. Mas sei da importância  da medida e vou passar a cumprir a determinação”, justificou.

Orientação

No início da Ponte Rio Negro, que liga Manaus ao Município de Iranduba e faz parte da rodovia AM-070, o fluxo de veículos também era intenso na manhã de ontem e muitos condutores estavam sendo parados para receber a orientação. “Dirigir com os faróis baixos é uma regra da direção defensiva e pode evitar acidentes. É isso que estamos tentando explicar às pessoas que passam por aqui”, explicou o cabo Marcelo Garrido, da Polícia Militar.

Mas ainda há condutores que tem dúvidas quanto à medida. “Para cidades que tem dias com muita neblina e climas mais frios, entendo que a luz ajude, mas aqui onde o sol é intenso e quase não dá para perceber a luz do farol, tenho minhas dúvidas sobre a eficácia dessa ação, mas respeito e vou seguir”, avaliou o servidor público, Raimundo Siqueira, de 66 anos.

A mudança no Código Brasileiro de Trânsito (CTB) foi publicada no Diário Oficial da União no último dia 24 de maio, após a Lei 13.290 – que torna obrigatório o uso permanente do farol baixo em trechos urbanos de rodovias  federais e estaduais -, ser sancionada pelo Presidente da República, em exercício, Michel Temer.

Locais

Em Manaus, é obrigatório o uso do farol baixo dentro do perímetro urbano nas seguintes rodovias: AM-010, nos trechos compreendidos pela estrada Torquato Tapajós e a Avenida das Flores; na AM-070, onde está inserida a Ponte Rio Negro, na AM-450 (antiga estrada do Turismo) e na BR-319, no trecho da Avenida Ministro João Gonçalves de Souza (a principal via do Distrito Industrial).

Publicidade
Publicidade