Publicidade
Cotidiano
OPERAÇÃO CAIÇARA

MP-AM investiga desvio superior a R$ 10 milhões na Prefeitura de Alvarães

O ex-prefeito Mário Litaiff é suspeito de chefiar uma organização que desviava recursos públicos. A irmã dele, Marina Litaiff, que era secretária de Finanças, empresários e servidores também são investigados 18/12/2018 às 13:27
Show prefeito 1f5b9e7f d13d 4325 aed5 7f34c87607b4
Foto: Reprodução/Internet
acritica.com* Manaus (AM)

O Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM), por meio do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado), deflagrou na manhã desta terça-feira (18) a Operação Caiçara, que tem por objetivo o cumprimento de cinco mandados de busca e apreensão nas cidades de Manaus, Itacoatiara e Alvarães. Todos os mandados foram cumpridos com sucesso.

Os Promotores de Justiça investigam a prática de desvios de verba pública da prefeitura de Alvarães, a 531 km de Manaus, no período de 2012 a 2016.

De acordo com as investigações, o prefeito à época, Mário Litaiff, é suspeito de chefiar uma organização criminosa que desviava recursos públicos, fraudava licitações e praticava lavagem de dinheiro. Os desvios apurados podem chegar a mais de R$ 10 milhões de reais. Além do ex-prefeito de Alvarães, a irmã dele, Marina Tomás Litaiff, que atuava como Secretária Municipal de Finanças, empresários e servidores públicos municipais atuavam orquestradamente.

“A operação caiçara foi deflagrada hoje, e agora vamos analisar os documentos e demais meios de provas que foram encontrados com as buscas e em momento posterior vamos notificar os investigados para interrogatório e prosseguir com oferecimento da denúncia”, disse o Promotor de Justiça Cláudio Tanajura.

*Com informações da assessoria de imprensa.

Publicidade
Publicidade