Segunda-feira, 14 de Outubro de 2019
Notícias

MP-AM investiga nomeações para cargos comissionados da Prefeitura de Manaus

Procurador quer saber se existem 'servidores fantasmas' na Casa Civil e se há comissionado que também ocupa cargo no Judiciário



1.jpg Conforme a portaria, os três foram nomeados para o cargo de Assessor Técnico I DAS-3 da Casa Civil em janeiro de 2013
12/05/2015 às 09:47

O Ministério Público do Estado (MP-AM) abriu um inquérito civil para investigar três nomeações para cargos comissionados na Prefeitura de Manaus. Entre as investigações está a possível nomeação “fantasma” de servidores.

O órgão investiga possível irregularidade na nomeação de Márcio Leandro Figueiredo Lucena, que seria servidor do Poder Judiciário, na Casa Civil.

Também são investigadas supostas nomeação de “servidores fantasmas”. Segundo portaria da abertura do procedimento de investigação, publicada na edição desta segunda-feira (11) do Diário Oficial do Ministério Público do Estado , o inquérito vai apurar se Paulo  Carlos de Carli e sua esposa, Karla Angélica Azevedo de Souza, também nomeados para cargo em comissão junto à Casa Civil da prefeitura, foram nomeados para os cargos mas  sem o efetivo exercício de suas funções.

No despacho, o promotor de Justiça Edilson Martins, titular da  77ª Promotoria de Justiça Especializada de Proteção ao Patrimônio Público, determina que sejam requisitadas, no Gabinete Civil da prefeitura , cópia das Fichas Funcionais e Financeiras, comprovante de frequência e outros documentos que possam atestar a efetiva prestação de serviço pelos três servidores comissionados.

Conforme a portaria, os três foram nomeados para o  cargo de Assessor Técnico I DAS-3 da Casa Civil em janeiro de 2013.





Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.