Publicidade
Cotidiano
Notícias

MPF/AM informa que entrou com ação contra Melo por abuso de poder nas eleições de 2014

O processo, que está na fase de produção de provas, foi o que causou o afastamento do comando da PM em setembro do ano passado 09/03/2015 às 20:29
Show 1
MPF/AM diz ter provas contra Melo
ACRITICA.COM Manaus (AM)

O Ministério Público Eleitoral no Amazonas (MPF/AM) entrou com uma ação de investigação judicial eleitoral (AIJE) contra abuso de poder político de José Melo (Pros) nas eleições do ano passado. O órgão informou ter fartas provas testemunhais, documentais e gravações midiáticas sobre o ocorrido.

O processo contra Melo foi o que causou o afastamento do coronel Eliézio Almeida da Silva do cargo de comandante da Polícia Militar do Amazonas, assim como o do coronel Aroldo da Silva Ribeiro do cargo de subcomandante, em setembro do ano passado.

Jorge Medeiros (à esquerda) é o procurador regional eleitoral do MPF no Amazonas

‘Falta de provas’

Em nota, o MPF/AM disse, no entanto, ter adotado todas as medidas penais cabíveis à época dos fatos apresentados na reportagem exibida pelo programa Fantástico, da TV Globo, neste domingo (8), mas que o processo não foi para a frente.

Segundo o órgão, os três envolvidos no caso chegaram a ser denunciados à Justiça Eleitoral pelo crime de compra de votos, no entanto, na ocasião, as provas foram inconclusivas. “Até o fim do prazo estipulado pela legislação (...), não haviam sido detectados elementos de prova mais aprofundados e contundentes o suficiente para embasar, com a responsabilidade que pauta as atuações do Ministério Público Eleitoral, a propositura de ação”, explicou o MPF/AM.

Publicidade
Publicidade