Sábado, 14 de Dezembro de 2019
INDICIADOS

MPF denuncia dois por tentativa de homicídio contra policiais federais no rio Amazonas

Caso ocorreu em fevereiro, no rio Amazonas, próximo a Urucará, durante patrulhamento da Polícia Federal em prevenção ao tráfico de drogas



show_mpf.JPG (Foto: Arquivo AC)
18/04/2017 às 14:23

O Ministério Público Federal no Amazonas (MPF/AM) denunciou um brasileiro e um colombiano por tentativa de homicídio contra agentes da Polícia Federal. O crime ocorreu no dia 7 de fevereiro deste ano, durante patrulhamento da Polícia Federal em prevenção ao tráfico de drogas no rio Amazonas, próximo ao município de Urucará (a 281 quilômetros de Manaus).

Os criminosos estavam em uma lancha de grande potência e, após a ordem de parada vinda dos agentes da Polícia Federal, que estavam em uma embarcação oficial e caracterizada, tentaram fugir pelo rio. Sem conseguir, passaram a disparar tiros contra os agentes, que responderam com disparos de arma de fogo com o objetivo de interromper a ação criminosa.



Alguns minutos depois da troca de tiros, os criminosos pararam de atacar e os dois denunciados tentaram fugir, pulando da lancha em direção ao rio. Um deles, o brasileiro, não conseguiu chegar à mata, ficando próximo à margem. O outro, colombiano, fugiu para a mata e foi denunciado aos policiais por ribeirinhos de uma comunidade local. Outros dois homens permaneceram na lancha, com ferimentos. Foram levados pelos policiais para atendimento hospitalar, mas não resistiram e morreram.

Na lancha, foram encontrados 700 quilos de cocaína, 23 quilos de maconha/skank, três fuzis, 324 munições, seis telefones celulares e R$ 30 mil reais. Os fuzis utilizados pelos criminosos são armas de uso exclusivo militar e foram roubadas em 2015 de Exército peruano.

O MPF denunciou o brasileiro e o colombiano por tráfico internacional de drogas, associação para o tráfico, resistência, tentativa de homicídio, associação criminosa, receptação e porte de arma de fogo de uso restrito. Na denúncia, o MPF destaca que o crime de tentativa de homicídio é qualificado por ter sido praticado contra agentes de Segurança Pública, de acordo com a Lei nº 13.142, de 2015. Somadas, as penas podem variar de 37 a 167 anos de reclusão e multa. A denúncia aguarda recebimento na Justiça Federal.

*Com informações da assessoria de comunicação.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.