Publicidade
Cotidiano
Notícias

Novos auditores do TCE são definidos após resultado do concurso de provas e títulos

Sérgio Ramalho e Diego Prandino terão a missão de analisar as contas dos gestores públicos do Amazonas e eventualmente irão substituir os conselheiros no julgamento dos processos; o salário deles será de R$ 28,9 mil 22/12/2015 às 19:44
Show 1
Valor corresponde a despesas de órgãos públicos sem comprovação que motivaram a reprovação das contas pelo TCE este ano
acritica.com* Manaus (AM)

Classificados em primeiro lugar nas provas de Conhecimentos Gerais e Específicos 1 (Objetiva) e Conhecimentos Específicos 2 (Discursiva), os candidatos Sérgio Ramalho Dantas Varella e Diego Prandino Alves são os dois novos auditores do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM). O resultado final do concurso público foi divulgado na tarde desta terça-feira (22) pelo coordenador  da Comissão do Concurso Público, conselheiro Érico Desterro.

Os dois aprovados — de um total de 265 inscritos de todo o país — deverão ser empossados pelo presidente do TCE-AM, conselheiro Ari Moutinho Júnior, no próximo mês. Além das provas de conhecimentos gerais e específicos, cujo resultado foi publicado no mês de outubro, os dois foram submetidos à prova de títulos, no mês passado, e concorreram com outros 18 candidatos aprovados na prova escrita promovida pela Fundação Carlos Chagas.

Os recursos interpostos pelos candidatos quanto ao resultado da avaliação dos títulos foram analisados e indeferidos, conforme a coordenação do certame. As respectivas respostas estarão disponíveis no site da Fundação Carlos Chagas www.concursosfcc.com.br no período de sete dias.

As provas do concurso para o preenchimento das duas vagas de auditor — com salário de R$ 28,9 mil — foram realizadas, no último dia 9 de agosto. O concurso teve oito horas e trinta minutos de duração, sendo quatro horas e trinta minutos para responder as cem (100) questões objetivas, pela manhã; e quatro horas para as quatro questões discursivas e uma peça prática, à tarde. Ao todo, foram sete meses de duração do concurso público, desde a inscrição, em maio passado, até o resultado final do concurso divulgado nesta terça-feira (22). 

Perfil

Sérgio Ramalho

É analista de Gestão Pública do Ministério Público Trabalho. Tem mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2013), especialista pela Fundação Getúlio Vargas -FGV- no curso MBA em Gestão Empresarial (2011).  É graduado em Engenharia de Computação pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2005) e em Tecnologia em Comércio Exterior pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (2006). 

Diego Prandino

É engenheiro eletricista pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2009) e especialista em Finanças Públicas pela Escola de Administração Fazendária (2011). Atualmente é Analista do Banco Central do Brasil.

*Com informações da assessoria do TCE-AM

Publicidade
Publicidade