Quinta-feira, 25 de Abril de 2019
publicidade
1.jpg
O governador Omar Aziz disse que pediu rigor nas investigações promovidas pelo MPT nas obras do estádio
publicidade
publicidade

Notícias

Omar Aziz diz que entrega da Arena da Amazônia para FIFA em janeiro de 2014 não é prioridade

O governador do Amazonas disse que a entrega do estádio para a FIFA poderá ser adiado por conta da adequação das obras da Arena da Amazônia dentro das regras de segurança do trabalho


16/12/2013 às 13:51

O governador do Amazonas, Omar Aziz, declarou nesta segunda-feira (16) que a entrega do estádio Arena da Amazônia em janeiro de 2014 para a FIFA não deve ser prioridade. Aziz ressaltou que tem até 1º de abril para entregar o estádio para a FIFA e que as obras devem continuar inderditadas para a adequação do local dentro das regras de segurança do trabalho. 

Segundo o governador, a segurança dos operários que trabalham na construção do estádio é o mais importante. A declaração aconteceu após as obras de construção do estádio serem interditadas pela Justiça do Trabalho depois que dois operários morreram enquanto trabalhavam no local no último sábado (14).

publicidade

O governador informou que ele mesmo ligou por telefone para os procuradores do Ministério Público do Trabalho (MPT) pedindo rigor nas investigações das condições de trabalho e segurança dentro do canteiro de obras da Arena.

Os procuradores do MPT e representantes da FIFA vistoriaram o estádio na manhã desta segunda (16) com o objetivo de produzir um laudo técnico com as condições trabalhistas no estádio e posteriormente decidir se a interdição no local continua ou não.

*Com informações da repórter Jéssica Vasconcellos

publicidade
publicidade
Negociação com peritos só será retomada caso greve acabe, diz Governo do AM
PC procura autor do disparo que matou lutadora de jiu-jitsu no Japiim
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.