Publicidade
Cotidiano
Notícias

Operação ‘Compensa’ cumpre mais de 40 mandados em Manaus

A operação foi deflagrada pela Polícia Federal junto com o Ministério da Previdência Social. De acordo com a PF os valores das fraudes, em 110 benefícios verificados, atingem o montante de R$ 4.215.606,00 10/07/2013 às 09:36
Show 1
De acordo com a PF, os valores das fraudes, em 110 benefícios verificados, atingem o montante de R$ 4.215.606,00.
acritica.com Manaus

Na manhã desta quarta-feira (10) a Polícia Federal junto com o Ministério da Previdência Social, deflagrou a operação ‘Compensa’ com o objetivo de combater a corrupção e o desvio de recursos do erário da Previdência Social. Ao todos mais de 40 mandados de prisão preventiva e busca e apreensão, além de mandados de condução coercitiva, além de sequestro de bens móveis, imóveis e contas bancárias, devem ser cumpridos. Estima-se que os valores das fraudes, em 110 benefícios verificados, atingem o montante de R$ 4.215.606,00.

A operação se deu em decorrência de investigações iniciadas em 2010, no âmbito de inquérito policial que tramita sob segredo de justiça, visando a apuração de crimes de estelionato previdenciário, corrupção passiva, corrupção ativa, formação de quadrilha ou bando, falsificação de documento particular, falsidade ideológica, falsidade de atestado médico e uso de documento falso, capitulados no Código Penal.

De acordo com a PF, os mandados estão sendo cumpridos no Município de Manaus/AM através de um contingente de aproximadamente 91 policiais e 17 servidores do MPS.

Dos cinco mandados de prisão preventiva, quatro são em desfavor dos líderes das quadrilhas organizadas para fraudar a concessão de benefícios previdenciários e assistenciais por incapacidade e ao idoso e um é em desfavor de um servidor público.

Dos 17 mandados de condução coercitiva, cinco são para oitiva de agenciadores de benefícios previdenciários e 12 são para a realização de perícia médica em segurados que recebem benefícios previdenciários.   

 

Publicidade
Publicidade