Publicidade
Cotidiano
Notícias

Oportunidades imobiliárias depois da Ponte Rio Negro

A hora de investir em imóveis em Iranduba chegou. Em torno de dez empreendimentos entre bairros planejados, condomínios e lotes devem ser lançados em 2015, com preços atrativos. 18/01/2015 às 15:09
Show 1
Projeção feita pela Construtora Nova da área de lotes a serem comercializados dentro do complexo de bairros planejados em Iranduba
Juliana Geraldo Manaus (AM)

A Ponte Rio Negro foi inaugurada em 2011 e trouxe consigo grandes promessas de urbanização para a região metropolitana de Manaus, em especial nos primeiros quilômetros que levam a entrada do município de Iranduba. Muito ainda precisa ser feito em termos de infraestrutura, mas de lá para cá, a mudança mais perceptível é sem dúvida no ramo imobiliário. Apontada anteriormente como a região mais promissora do Amazonas em termos de crescimento, Iranduba começa a ‘ver’ os investimentos anunciados saindo do papel.

Os produtos imobiliários, cuja previsão de entrega é em média até 2017 são variados: condomínios de apartamentos condomínios residenciais e até bairros planejados começam a ser erguidos e juntos devem oferecer em torno de 45 mil novas moradias. Os lançamentos podem favorecer quem pretende morar naquela região, mas podem ser uma boa oportunidade para realizar novos investimentos, uma vez que serão ofertados imóveis e lotes a preços diversos.

Um dos empreendimentos que já chama a atenção entre os quilômetros dois e três após a Ponte é um complexo de bairros planejados que estão sendo construído pela Nova Bairros Planejados. As primeiras duas etapas do complexo – os bairros planejados Novo Amazonas 1 e 2 vão oferecer ao manauara 3.965 lotes entre residenciais e comerciais, a partir de R$ 45 mil. O lançamento desta parte do complexo está previsto para o primeiro semestre deste ano

 Diferenciais

 “A principal diferença entre este e outros projetos é que não vamos trabalhar com residenciais fechados. Serão bairros abertos, mas já dotados de toda a estrutura necessária para a instalação dos moradores como água energia elétrica, esgoto, calçadas padronizadas e asfalto de qualidade”, explica o coordenador de vendas do empreendimento, Sandro Melo.

Segundo ele, os lotes (de 10x20 metros para residência e 10x30 metros para comércio) inicialmente foram destinados para quem desejasse morar no local, mas o preço e a infraestrutura tem chamado a atenção de investidores.


“Nos dois casos  é um bom negócio. É o primeiro empreendimento do tipo no Amazonas. As estradas e avenidas do bairro já estão sendo abertas e quando o lançamento oficial for feito, as obras já estarão em andamento. Então não será uma venda de imóveis na planta”, ressalta o coordenador.

Sandro adianta ainda que, além dos dois bairros iniciais, a ideia é expandir o projeto até o quilômetro 10, na entrada de Iranduba.  

Destaque

A projeção do Sindmoveis-AM é de que em torno de dez lançamentos imobiliários sejam feitos na região após a ponte. A infraestrutura básica a ser construída pelas incorporadoras, a facilidade do deslocamento para Manaus  e os investimentos do governo são apontados como algumas das vantagens para investir este ano

Márcia Cohen - Assessora Imobiliária

"Os profissionais o mercado imobiliário apontam Iranduba como a próxima região a presenciar um ‘boom’ imobiliário no Estado. Só esta semana, visitei seis loteamentos de bairros planejados. O cálculo do Sindicato dos  Corretores de Imóveis do Amazonas (Sindimóveis-AM) é de que pelo menos dez empreendimentos sejam lançados em 2015 que será ‘o ano’ para quem quiser adquirir um imóvel na região seja para morar ou investir. todas as classes estão contempladas nos projetos e o valor inicial dos lotes varia entre R$ 45 mil e R$ 200 mil, podendo ser valorizados em até 30%. Quem busca sair de Manaus para encontrar mais conforto e sossego a hora é essa. A infraestrutura necessária já está a caminho. E para a cidade é igualmente benéfico pois possibilita a oferta de empregos, recursos e investimentos públicos”.  


Publicidade
Publicidade