Terça-feira, 19 de Novembro de 2019
Notícias

Painéis solares se tornam opção alternativa para o consumo de energia em residências de Manaus

O uso da energia solar através de painéis está se tornando, cada vez mais, uma opção viável para consumidores de residenciais e de condomínios de luxo na capital do Amazonas



1.jpg O uso da energia solar através de painéis está se tornando, cada vez mais, uma opção viável para consumidores de residenciais e de condomínios de luxo na capital do Amazonas
05/04/2014 às 19:57

Se antes essa forma de captação energética era empregada apenas em grandes construções, hoje ela está evoluindo como mais uma forma alternativa de geração de energia e ganhando espaço no mercado e na casa das pessoas.

Prova disso é o aumento na procura pelo sistema em razão do custo benefício, perceptível diante da economia de energia elétrica nas contas ao final do mês. A empresa Luz Solar, localizada na avenida Mário Ypiranga Monteiro (antiga Recife), na Zona Centro-Sul, oferece possibilidades para o uso da tecnologia.



De acordo com seu proprietário, Roberto Lavor, 61, entrevistado por DINHEIRO, há vários tipos de kits com o sistema com preços que variam entre R$ 6 mil a R$ 7 mil, com 4 a 5 placas de potência maior ou menor.

Há ainda, o chamado Kit 2, composto com dois módulos solares de (100 w), um controlador de carga (12v), um inversor (300 w), bateria estacionária, quatro lâmpadas led e um kit com cabo e conectores, que daria para ligar, um televisor de 14”, um receptor de satélite, um ventilador e quatro lâmpadas led, ao preço de R$ 3.488.

“Depende muito de quais equipamentos o usuário quer distribuir a energia, mas quanto a isso, basta aumentar a quantidade de painéis solares”, explica o empresário.

Quanto ao funcionamento do sistema, Roberto informa que cinco horas de alimentação solar, pode gerar energia de até dois dias, por um período de quatro a cinco horas. Outra vantagem do equipamento é que o usuário pode monitorar a carga de energia, bem como o consumo e a tensão da bateria disponível, por meio de uma tela digital do gerador.

Sistema

Proveniente do Sol, a energia solar é captada por meio de painéis solares, formados por células fotovoltaicas, e transformada em energia elétrica ou mecânica. A redução de gastos chega a cerca de 30% a 45% no consumo de energia elétrica. O faturamento global da indústria de energia solar em 2013 chegou a 38 bilhões de dólares.

Demanda

O proprietário empresa Luz Solar destaca que o aumento no fluxo de pessoas à procura pelos painéis solares demanda em razão das falhas geradas no fornecimento de energia elétrica que assola a região. “Apesar do interesse maior de moradores das comunidades do interior, os residentes na capital, também estão cada vez mais, interessados no produto”, disse.

O exemplo citado por Roberto Lavor pode ser constatado em casas localizadas em condomínios de luxo, como o Residencial Ephigênio Salles e em algumas moradias em conjuntos e bairros da capital.

“Atualmente, economizar e a meta de muitas pessoas e grande parte do orçamento de uma família, está na conta de luz. Esse sistema de energia está crescendo em praticamente todas as camadas sociais, entre suas principais características positivas, destaca-se o fato de ser uma forma de energia renovável, inesgotável e limpa, não agredindo o meio ambiente”, comentou Roberto Lavor.

O empresário ressalta que a energia solar é considerada apenas uma forma complementar de energia, mas crê que o sistema deve ganhar impulso nos próximos anos. “Acredito que nos próximos anos vamos substituir gradativamente as fontes degradantes por outras, que são menos nocivas ao meio ambiente e mais segura para o consumidor”, completou.

Vale destacar que a loja Luz Solar também dispõe de uma gama de equipamentos movidos a energia solar como o carregador solar para ipad e a mochila com o mesmo sistema para notebook.

Região

Pelo menos 80% do atendimento elétrico às localidades consideradas isoladas do interior do AM poderia ser realizado a partir da geração de energia solar, diz setor de Projetos Especiais do Luz para Todos

Destaque

A Eletrobras Amazonas Energia já desenvolve desde 2011, o “Projeto 12 Miniusinas” em seis municípios do interior do Estado. O Projeto atende 222 unidades consumidoras, o que representa um universo de 1,3 mil pessoas que hoje utilizam energia elétrica gerada a partir da energia solar.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.