Publicidade
Cotidiano
Aniversário

Parque Sumaúma comemora 13 anos com direito a programação recheada

Algumas escolas estaduais, como a Desembargador Vidal Araújo, vizinha do parque, participaram deste dia de comemoração. Os alunos do 9º ano participaram das trilhas e aprenderam sobre a fauna e flora amazônica 10/09/2016 às 11:45 - Atualizado em 10/09/2016 às 13:05
Show 1133700
Programação de aniversário foi recheada de trilhas, teatros, visitas e outras atividades a estudantes de escolas estaduais. (Euzivaldo Queiroz)
Isabelle Valois Manaus (AM)

O parque Sumaúma, única unidade de conservação estadual em Manaus, completou nesta sexta-feira (09) 13 anos de existência. E para marcar o dia, a coordenação preparou uma programação recheada de trilhas, teatros, visitas e outras atividades. Mas pra quem perdeu a programação especial, a coordenação avisa que o parque fica aberto à visitação  de terça a sábado das 8h às 10h.

Algumas escolas estaduais, como a Desembargador Vidal Araújo, vizinha do parque, participaram deste dia de comemoração. Os alunos do 9º ano participaram das trilhas e aprenderam um pouco mais sobre a fauna e flora amazônica. 

Para a estudante Brenda Araújo Lima, 16, a visita foi mais que uma simples experiência. “Fiquei encantada ao ver tanta coisa bonita bem pertinho da minha escola. Não conhecia o parque, mas depois deste primeiro contato, pretendo combinar com a minha família para realizarmos outras visitas, participar de outras trilhas, fotografar e até conhecer um pouco mais sobre as belezas existentes na flora e fauna”, comentou.

Um dos professores de Brenda, Daniel Laborda de Moura,  acompanhou desde a criação do parque e hoje tem orgulho de ver como o projeto cresceu e deu certo. Laborda disse que a maior preocupação foi quando houve uma ocupação irregular na área de preservação do Sumaúma.

“Ainda bem que a coordenação do parque junto com os líderes da comunidade conseguiram resolver esse problema da ocupação, caso contrário, hoje não teríamos um parque desse modelo bem na área urbana de Manaus. Acredito que seria uma nova comunidade, mas hoje temos esse espaço de educação, lazer e até de cuidados. Visitar o Sumaúma é como um novo dia de formação e aprendizado, por isso precisamos cuidá-lo com carinho”, detalhou o professor.

Laborda explicou que toda vez que visita o Sumaúma, se assusta com a diferença da urbanização e do meio ambiente. “É incrível termos a oportunidade de em poucos metros deparar-nos com tanta riqueza natural. Hoje mesmo tivemos a oportunidade de ver de perto o Sauim-de-coleira. Nossos alunos só o conheciam por fotografias, livros e internet. Acredito que essa experiência foi mais que marcante para eles”, comentou.

Visitação

Apresentação de peças teatrais que relatavam o cuidado com a flora e a fauna, trilhas para visitantes, jogos educacionais e exposição de artesanato fizeram parte da programação da festa de 13 anos do Parque Sumaúma. Para a gerente do parque, Amanda Gomes, é preciso festejar este momento.

“Precisamos comemorar essa data tão especial. Somos todos responsáveis pelo cuidado do parque, não só a coordenação como os moradores em geral que abraçaram a ideia do parque e nos ajudam a cuidar como se fosse a própria casa”, disse.

Para quem não pode participar ontem, Amanda informou que o parque estará de portas abertas para visitação. O Sumaúma funciona de terça-feira a sábado, no horário das 8 às 17h. Para grupos que queiram visitar o espaço é preciso encaminhar um ofício para o e-mail: amandabgomes@hotmail.com.

Publicidade
Publicidade