Publicidade
Cotidiano
Notícias

Pauderney Avelino e Vanessa Grazziotin são destaques da Bancada Federal do Amazonas

Avaliação é do Diap, entidade que elege os congressistas mais atuantes do ano. Deputado e senadora são adversários no campo ideológico 01/09/2015 às 09:38
Show 1
Pauderney sempre esteve presente na lista do Diap, enquanto a senadora Vanessa aparece pela sexta vez consecutiva
ANTÔNIO PAULO BRASÍLIA (SUCURSAL)

Saiu a lista dos 100 parlamentares que comandam o processo decisório no Congresso Nacional em 2015. Entre os “Cabeças do Congresso”, estão 62 deputados federais e 38 senadores. Dos 11 membros da bancada do Amazonas, somente dois nomes figuram na concorrida lista do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap): o deputado Pauderney Avelino (DEM-AM) e a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM).

O deputado Arthur Bisneto (PSDB-AM), estreante na Câmara dos Deputados, está entre os outros 50 congressistas “em ascensão”, que poderão fazer parte do seleto grupo dos “Cabeças” ano que vem. Pode-se dizer que eles fazem parte dos 150 parlamentares mais influentes do Parlamento federal brasileiro. A pesquisa do Diap inclui apenas os parlamentares que estavam no efetivo exercício do mandato no período de avaliação, correspondente a fevereiro e julho de 2015.

Debatedores

O deputado Pauderney Avelino e a senadora Vanessa Grazziotin foram classificados como “debatedores”.  Segundo o Diap, são parlamentares ativos, atentos aos acontecimentos e principalmente com grande senso de oportunidade e capacidade de repercutir, seja no plenário ou na imprensa, os fatos políticos gerados dentro ou fora do Congresso. Procuram ocupar espaços e explorar os assuntos que possam ser notícia.

Conhecedores das regras regimentais, que regem as sessões e o funcionamento das Casas do Congresso, exercem real influência nos debates e na definição da agenda prioritária. Com suas questões de ordem, de encaminhamento, discussão de matérias em votação, obstrução do processo deliberativo, dominam a cena e contribuem decisivamente na dinâmica do Congresso.

Líder da oposição no Congresso Nacional, Pauderney Avelino sempre esteve presente na lista elaborada pelo Diap. “Fico muito feliz em mais uma vez estar entre os Cabeças do Congresso, pois é a forma que encontro de honrar aos mais de 103 mil eleitores que depositaram a confiança em mim e espero continuar utilizando esta influência na defesa do Amazonas”.

Vanessa

À frente da Procuradoria da Mulher no Senado, desde 2013, líder do PCdoB e presidente da CPI que investiga suspeitas de manipulação em julgamentos do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), a senadora Vanessa Grazziotin também agradeceu o reconhecimento e a menção ao nome dela na lista. “Encaro o resultado com muita responsabilidade para trabalhar cada vez mais pelo desenvolvimento do Amazonas e do País”, disse a senadora.

Os partidos

Os dois partidos com maior número de parlamentares na elite são o PT, ao qual é filiada a presidente da República, e o PSDB, partido que faz oposição ao governo no Congresso Nacional. O PMDB, partido do vice-presidente da República e dos presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado Federal, está na terceira posição com 12 “Cabeças” do Congresso Nacional. O Estado com o maior número de parlamentares mais influentes é São Paulo com 15 nomes, seguido pelo Rio de Janeiro (10). Somente Tocantins (Região Norte) e Santa Catarina (Região Sul) não têm representantes na lista do Diap em 2015.

Os ‘cabeças’ da Região Norte

Estado/Habilidade

ACRE

Senador Jorge Viana (PT)/ articulador

Deputado Sibá Machado (PT)/debatedor

AMAPÁ

Senador João Capiberibe (PSB)/debatedor

Senador Randolfe Rodrigues (Psol)/debatedor

AMAZONAS

Deputado Pauderney Avelino (DEM)/debatedor

Senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB)/debatedora

PARÁ

Senador Paulo Rocha (PT)/articulador

RONDÔNIA

Senador Acir Gurgacz (PDT)/negociador

Senador Valdir Raupp (PMDB)/articulador

RORAIMA

Senador Romero Jucá (PMDB)/formulador

TOCANTINS

(sem representação na lista do Diap)


Publicidade
Publicidade