Segunda-feira, 09 de Dezembro de 2019
THE END

Petrobras anuncia fim de parceria e patrocínio à equipe de F1 McLaren

Presidente Jair Bolsonaro havia publicado no Twitter em maio que a Petrobras buscaria uma maneira de rescindir o contrato com a McLaren.



mclaren-1_C3580272-68F3-4146-B88A-440425F4BD72.jpg Foto: Divulgação
04/11/2019 às 11:03

A Petrobras e a equipe de Fórmula 1 McLaren Racing encerraram nesta segunda-feira  (4) uma parceria técnica e de patrocínio, informou a estatal brasileira de petróleo em comunicado. O fim do contrato entre Petrobras e McLaren, que envolvia 163 milhões de libras esterlinas, foi antecipado pela Reuters em 17 de outubro, com informação de documento do Ministério da Economia. Na ocasião, Petrobras e McLaren recusaram-se a comentar.

Segundo a Petrobras, "a parceria resultou em claros avanços tecnológicos na linha de combustíveis e lubrificantes, além de oportunidades de futuras cooperações comerciais, tecnológicas e de responsabilidade social entre as duas empresas".



A estatal, no entanto, não detalhou motivos para o encerramento do contrato em seu comunicado. O presidente Jair Bolsonaro havia publicado no Twitter em maio que a Petrobras buscaria uma maneira de rescindir o contrato com a McLaren, por decisão de seu governo, mas também sem detalhar razões.

O documento do Ministério da Economia visto pela Reuters qualificou o contrato da estatal para patrocínio à equipe como "injustificável". O acordo foi assinado na gestão de Pedro Parente à frente da Petrobras-- o executivo deixou o comando da petroleira em junho de 2018.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.