Segunda-feira, 22 de Julho de 2019
OPERAÇÃO

PF afirma que Temer avalizou compra de silêncio de Cunha, aponta jornal

Conforme publicação do jornal O Globo, a PF ressaltou que foram encontrados "indícios suficientes de materialidade e autoria" atribuíveis a Temer



temer_223.JPG A acusação é baseada na delação premiada no empresário Joesley Batista (Foto: Reprodução Internet)
14/06/2018 às 07:46

A Polícia Federal aponta o envolvimento do presidente Michel Temer na tentativa de compra de silêncio do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha e do operador Lúcio Funaro. A informação foi divulgada na manhã desta quinta-feira (14) pela versão online do Jornal O Globo e consta no relatório final da Operação Cui Bono.

Segundo O Globo, a acusação é baseada na delação premiada do empresário Joesley Batista, da J&F, revelada com exclusividade pelo colunista Lauro Jardim. Joesley gravou uma conversa com Temer no Palácio Jaburu.

Conforme a publicação, a PF informou que foram encontrados "indícios suficientes de materialidade e autoria" atribuíveis a Temer.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.