Quarta-feira, 17 de Julho de 2019
PRESSÃO

Policiais e bombeiros pressionam deputados cobrando espaço no orçamento

Bombeiros cobram repasse para aumento de efetivo e policiais querem que orçamento contemple terceira parcela do escalonamento do reajuste



WhatsApp_Image_2016-12-20_at_11.17.09.jpeg Pressão nas galerias fez deputados retardarem o início da votação do orçamento (Foto: Lucas Jardim)
20/12/2016 às 11:41

Cerca de 400 pessoas, entre policiais civis e militares e bombeiros, fizeram uma manifestação na galeria do plenários da Assembleia Legislativa do Estado (ALE-AM) na manhã desta terça-feira (20), exatamente no momento designado pelo Parlamento para a votação da Lei Orçamentária Anual (LOA) do ano que vem. 

Os policiais visam pressionar os deputados após a última proposta dá LOA enviada pelo Executivo não contemplar a terceira parcela do escalonamento do reajuste e os bombeiros requererem um repasse para aumentar seu efetivos. Os manifestantes receberam o apoio da bancada oposicionista, que conseguiu levar a discussão para uma reunião da Comissão de Orçamento e Finanças da Casa. 

Por conta da reunião, que contou com a presença do secretário estadual da Fazenda, Afonso Lobo, a sessão foi interrompida por uma hora - tempo durante o qual os manifestantes permaneceram no local e bradaram para fazer pressão.

A reunião, que deveria ter acabado às 11h, não tinha sido encerrada até às minutos antes do meio-dia, deixando os presentes agitados. Eles chegaram a bater no vidro da galeria em vários momentos, gritando que o prazo dado pelos deputados tinham estourado. Eles chegaram a gritar, entre outras palavras de ordem, "polícia unida jamais será vencida".

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.