Publicidade
Cotidiano
OPERAÇÃO

Polícias Civil e Militar prendem quadrilha durante operação ‘Novo Airão Seguro’

Foram apreendidas drogas, dinheiro, balanças de precisão, celulares e munições. Um adolescente também foi pego no grupo 16/02/2018 às 14:50 - Atualizado em 16/02/2018 às 14:58
Show divulga  o  2
Foto: Divulgação
acritica.com

As polícias Civil e Militar do Amazonas prenderam na manhã desta sexta-feira (16) uma quadrilha durante a operação “Novo Airão Seguro”, no município de Novo Airão, distante 115 quilômetros em linha reta de Manaus. O objetivo foi cumprir cinco mandados de busca e apreensão, que resultou nas prisões em flagrante de cinco pessoas e na apreensão de um adolescente de 16 anos.

João Batista Felix de Castro, 34, conhecido como “Diego”, e Ionata dos Santos Magalhães, 19, foram autuados em flagrante por tráfico de drogas. Marcos dos Santos Souza, 18, o “Paquinha”, José Nildo dos Santos, 25, e Valcirlei dos Santos Souza, 20, o “Pretinho”, foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. No momento da prisão de “Pretinho” também foi cumprido mandado de prisão preventiva por latrocínio em nome dele.

Polícias Civil e Militar

As prisões foram comandadas pelos delegados Mateus Moreira, Demetrius Queiroz e Gláucio Oliveira, respectivamente diretor, diretor-ajunto e titular do Departamento de Polícia do Interior (DPI), Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) e 77ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Novo Airão.

As diligências foram efetuadas também com o apoio de servidores lotados na Secretaria-Executiva-Adjunta de Operações Integradas (Seaop), da Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM);  policiais militares do 6º Grupamento de Polícia Militar (GPM), sob a coordenação do tenente Ladislau Neto, lotados em Novo Airão, e também integrantes da Companhia Independente de Policiamento com Cães (CIPCães), da Polícia Militar do Amazonas.

Mandados e apreensões

De acordo com o diretor do DPI, os mandados de busca e apreensão foram expedidos pelo juiz Celso Souza de Paula, da Comarca de Novo Airão. “Durante o cumprimento das ordens judiciais nos deparamos com as situações de flagrante dos cincos indivíduos e, ainda, apreendemos um adolescente de 16 anos, que responderá por ato infracional análogo aos crimes de porte ilegal de munição de uso permitido e porte de entorpecente para consumo próprio”, declarou.

Conforme Mateus Moreira, os policiais apreenderam ao longo da ação 55 trouxinhas de maconha do tipo skunk, 13 trouxinhas de oxi, quatro trouxinhas de cocaína, uma porção de cocaína, uma pedra de oxi, uma balança de precisão, dois aparelhos celulares, R$ 845 em espécie e, com o adolescente, duas munições não deflagradas de calibre 20 e 32 juntamente com uma trouxinha de maconha do tipo skunk.

Integração das forças

Demetrius Queiroz destacou a integração das forças policiais para coibir práticas criminosas no interior do Estado. “A ação ocorreu com êxito total. É de determinação do delegado-geral, Mariolino Brito, e do delegado-geral adjunto, Antonio Chicre Neto, uma atenção maior para os municípios do Amazonas”, argumentou. Ao término dos procedimentos cabíveis na 77ª DIP, João, José, Ionata, Marcos, Valcirlei e o adolescente irã permanecer na carceragem da unidade policial, à disposição da Justiça.

Publicidade
Publicidade