Sexta-feira, 03 de Julho de 2020
Notícias

Prazo para candidatos aderirem à lista de espera do Sisu termina nesta sexta-feira (26)

Para isso, o candidato deve acessar o boletim pessoal na página do Sisu, na internet. A convocação dos candidatos pelas instituições começará dia 2 de julho



1.jpg O estudante pode se inscrever na lista de espera apenas para o curso que marcou como primeira opção no momento da inscrição
26/06/2015 às 12:08

O prazo para os estudantes aderirem à lista de espera do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e concorrerem às vagas remanescentes termina nesta sexta-feira (26) às 23h59.

Para isso, o candidato deve acessar o boletim pessoal na página do Sisu, na internet. A convocação dos candidatos pelas instituições começará no próximo dia 2 de julho.



O estudante pode se inscrever na lista de espera apenas para o curso que marcou como primeira opção no momento da inscrição. Pode aderir quem não foi selecionado na chamada regular e também o candidato que foi selecionado para a segunda opção de curso, independentemente de ter feito a matrícula. 

As convocações dos candidatos participantes da lista de espera do Sisu são feitas pelas próprias instituições de ensino superior. É importante que o candidato fique atento e se informe na instituição sobre o resultado, prazos e documentação necessária para a matrícula.

Esta segunda edição de 2015 do Sisu ofereceu 55.571 vagas em 72 instituições públicas de ensino superior. O número de inscritos chegou a 1.192.622 candidatos.

O curso de medicina foi o mais procurado, com 185.818 inscrições. Entre as instituições, a Universidade Federal de Minas Gerais foi a mais buscada pelos estudantes. Cerca de 40% dos candidatos estão na faixa de 18 a 20 anos. O Sisu seleciona estudantes para vagas em instituições públicas de ensino superior com base nas notas obtidas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.