Publicidade
Cotidiano
Notícias

Preço da corrida de táxi sobe 35,6% em Manaus

O acréscimo corresponde à alteração para bandeira 2 'permanente' em dezembro, como forma de garantir o 13º salário dos motoristas de táxi de Manaus 03/12/2014 às 13:20
Show 1
A cobrança da bandeira 2, de R$ 3,27 por quilômetro rodado, é válida até o dia 02 de janeiro de 2015
Juliana Geraldo Manaus (AM)

Desde segunda-feira (1), o manauara está pagando 35,6% a mais na corrida de táxi. A mudança é autorizada todos os anos pela Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU) e vale até as 6h do dia 2 de janeiro de 2015.

A regra aplica a bandeira 2 “permanente” durante o período e o acréscimo representa o 13º salário dos motoristas de táxi da capital amazonense.

Significa que as corridas anteriormente tabeladas como bandeira 1(R$ 2,41) – corridas até às 18h – dão lugar à bandeira 2 permanente (R$ 3,27 por quilômetro rodado). O valor representa um aumento de 35,6% a cada quilômetro percorrido e deve pesar no bolso do consumidor.

Na prática, quer dizer que um passageiro que antes pagaria R$ 20 pela corrida de táxi, passará a pagar, nesse período, R$ 27,12.  

De acordo com o presidente do Sindicato dos Taxistas de Manaus (Sintaxi), Luiz Augusto Lins Aguiar, o acréscimo provisório é necessário para garantir o Natal dos trabalhadores da categoria.

“O movimento tem caído e eles precisam desse dinheiro extra para arcar com suas despesas pessoais no fim do ano. Para se ter uma ideia, este ano o volume de corridas só deve crescer entre os dias 15 e 20 de dezembro. Em anos anteriores a movimentação era expressiva desde o início de dezembro”, argumentou.

Conforme informações do sindicalista, a categoria possui 4.021 concessões, ou seja, placas de táxi autorizadas em Manaus.
   

Publicidade
Publicidade