Terça-feira, 20 de Agosto de 2019
Notícias

Prefeitura de Manaus anuncia recuperação de ramais

O calendário para a execução das obras vai ser divulgado assim que a equipe de engenheiros concatenar os dados sobre os ramais que precisam receber recuperação imediata



1.jpg Na ida e volta da escola, crianças que moram no ramal oito precisam descer de ônibus e continuar o caminho à pé porque o transporte escolar não trafega no ramal enlameado
18/02/2013 às 19:38

A Prefeitura de Manaus fará intervenções em ramais da zona rural para recuperar as vias. O anúncio foi feito pelo prefeito em exercício e secretário Municipal de Infraestrutura e Habitação (Seminfh), Hissa Abrahão, que na manhã desta segunda (18) visitou o ramal Água Branca, localizado na rodovia AM-010, a Manaus-Itacoatiara. Os trabalhos devem começar com a chegada do verão amazônico, em maio.

Acompanhado com uma equipe de engenheiros da Seminfh, o prefeito tomou conhecimento sobre a situação dos ramais e disse que as obras são prioridade. De acordo com ele, toda a sinalização de trânsito também será feita nos ramais.

“A situação é crítica, mas temos nos esforçado muito. A gente tem levado para todos os cantos a nossa vontade e as nossas máquinas. Estou feliz porque as pessoas estão animadas”, afirmou Hissa Abrahão.

O calendário para a execução das obras vai ser divulgado assim que a equipe de engenheiros coletar os dados sobre os ramais que precisam receber recuperação imediata.

Brasileirinho

Na edição de domingo em A Crítica, os moradores do ramal do Brasileirinho, denunciaram a precariedade em que se encontra o principal ramal da localidade e as vicinais.

Segundo os moradores, as chuvas e a falta de manutenção das pistas estão dificultando o transporte dos estudantes e o escoamento de vários produtos até as feiras e mercados da zona urbana, além do turismo no local, que consiste em inúmeros balneários, lagos e pousadas, com boas instalações, mas sem ninguém para visitá-las.

Além do problema nas pistas, como buracos e lama que prejudicam o escoamento da produção e a locomoção dos moradores, o acúmulo de lixo, a falta de iluminação em algumas vicinais, onde moradores improvisaram luminárias com garrafa Pet, também são alvo de reclamações.

Diante do posicionamento da prefeitura, os moradores esperam que as situações impostas pela comunidade seja sanada o mais breve possível, pois a maioria dos estudantes são crianças.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.