Publicidade
Cotidiano
Notícias

Presidiário ameaça ex-mulher com um terçado em Presidente Figueiredo e é recapturado

O delegado do 37º DIP, Valdiney Silva, informou que Hildo cumpre pena no regime semiaberto na delegacia, é usuário de drogas e possui três inquéritos de violência contra outra ex-companheira 31/05/2013 às 13:10
Show 1
O presidiário cumpre pena no regime semiaberto no 37º Distrito Integrado de Polícia (DIP) e saiu para ameaçar a ex-mulher
Bruna Souza Manaus, AM

O presidiário Hildo Barbosa Estevão, de 36 anos, entrou na casa da ex-mulher e a manteve como refém por cerca de cinco horas na manhã desta sexta-feira (31). o caso aconteceu na rua Padre Calério, bairro Tancredo Neves,  no município de Presidente Figueiredo (localizado a 117 quilômetros em linha reta de Manaus). Após sair do 37º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde cumpre pena no regime semiaberto, e fazer o uso de entorpecentes, o presidiário arrombou a casa e ameaçou matar a vítima com um terçado.

Policiais do 7ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) e policiais civis negociaram a liberação da vítima utilizando técnicas de gerenciamento. Segundo o major Mamed, que esteve à frente das negociações, durante a ação o presidiário estava sobre efeito de drogas e colocou o guarda-roupa da família na frente da porta da casa para impedir a entrada da polícia.

“Negociamos com o Hildo desde o começo da manhã e nossa maior preocupação era que a vítima saíssem sem ferimentos. No final deu tudo certo e a senhora foi levada ao hospital devido ao estado nervoso que passou. A verbalização em um procedimento de crise é importante para que o índividuo não cometa agressões contra a vítima”, declarou.

O delegado do 37º DIP, Valdiney Silva, informou que Hildo cumpre pena no regime semiaberto na delegacia, é usuário de drogas e possui três inquéritos de violência contra outra ex-companheira. Hildo retornou a delegacia e foi encaminhado para uma cela individual, com o bjetivo de evitar retaliações dos outros presos.

Publicidade
Publicidade