Sábado, 23 de Janeiro de 2021
Desenvolvimento dos bebês

Profissionais orientam pais sobre comportamentos que ajudam no desenvolvimento dos bebês

Os “exercícios” para os desenvolvimentos podem ser realizados já nos primeiros dias de vida da criança



MH_18_228FC0EF-FA30-456A-910C-BDFC6F88C48C.jpg Pediatra e neonatologista Adeliane Bianchini afirma que cuidados estão diretamente ligados ao desenvolvimento das crianças. Foto: Divulgação
18/11/2020 às 09:39

A chegada de um bebê em casa é uma felicidade para toda a família, mas os pais não recebem um “manual de instruções” de como cuidar dessas crianças e o desafio diário é grande desde a hora de dar banho, trocar de fraldas, manter a rotina de acompanhamento com  o pediatra. A ajuda de profissionais durante os primeiros meses é fundamental para que os pais encarem esse desafio e, principalmente, criem métodos de estimular o desenvolvimento dos pequenos.

De acordo com a pediatra e neonatologista, Adeliane Bianchine, a puericultura, que é o acompanhamento médico das crianças de  até dois anos e é a principal ferramenta para manter a saúde dos pequenos e reduzir a chance da mortalidade infantil. “Nas consultas, que devem ser mensais até o primeiro ano do bebê, verificamos sua taxa de crescimento, peso, seus reflexos e como está respondendo aos estímulos. Além disso, damos todas as orientações aos país, verificamos se a vacinação do bebê está em dias e fazemos o acolhimento das mães, que geralmente estão em meio a um turbilhão de sentimentos”, afirmou.



Ainda de acordo com a especialista, esses cuidados estão diretamente ligados ao desenvolvimento do bebê e a forma com que ele vai responder aos estímulos futuros. “Para que a criança tenha uma saúde plena, é de suma importância que ela receba os primeiros cuidados já na sua primeira infância. Fazer esse acompanhamento contínuo é a melhor forma de mostrarmos o nosso amor pelos nossos filhos”, assegurou.

Mais estímulos

Outra forma de estimular o desenvolvimento infantil é trabalhar com a criança as posturas corretas e a melhor maneira de carrega-los, segundo explicou a fisioterapeuta especialista em cuidados de bebês, Izabel Garcia.

Uma forma de estimular a criança e que gera ótimos resultados é o ‘tummy time”, que é deixar o bebê de barriga para baixo. “Esse movimento já pode ser feito nos primeiros dias de vida. Além de fortalecer a coluna, a criança cria percepção de espaço e melhora a sustentação do pescoço”.

O ato de brincar com a criança também é uma importante ferramenta de conectá-la com o ambiente em que vive. “As brincadeiras são de extrema importância. Além de aumentar o vínculo com o bebê, faz com que ele crie autonomia e passe cada vez mais rápido para as outras fases de seu desenvolvimento, sem pular nenhuma etapa”.

Dentre as brincadeiras indicadas estão o uso de arco de brinquedos enquanto o bebê está deitado com barriga pra cima, o uso de brinquedos para que ele acompanhe o movimento com a cabeça para os dois lados e a utilização de brinquedos no tummy time. “Além de dar muito afeto e mostrar que ele vive em um ambiente seguro a acolhedor”.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.