Publicidade
Cotidiano
Notícias

Protesto registra confusão entre manifestantes contrários e simpatizantes do governo Dilma

A Polícia Militar foi acionada para acalmar os ânimos. O princípio de bate boca começou em frente ao posto 700, localizado na avenida Djalma Batista, em Manaus 13/12/2015 às 17:35
Show 1
Protesto seguiu pela avenida Djalma Batista
Marcela Moraes Manaus (AM)

Com saída da Praça do Congresso, no Centro de Manaus, a manifestação em protesto pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) seguiu rumo à avenida Djalma Batista neste domingo (13). Ao chegar ao posto 700 ocorreu um início de bate boca, gritos e vaias entre membros de partidos políticos prol Dilma e manifestantes. A polícia militar foi acionada para acalmar os ânimos.

Em frente ao posto foi realizado um ato público, onde os organizadores do evento pediram a saída da presidente Dilma Rousseff e do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), e de todos os políticos envolvidos na corrupção. Segundo organizadores a democracia só irá acontecer quando os corruptos forem eliminados do governo.

Durante todo o trajeto, diversos manifestantes aderiram ao movimento. De acordo com nova estimativa feita pela Polícia Militar, mil pessoas estiveram presentes no protesto.

Publicidade
Publicidade